sábado, 30 de abril de 2011

Adolescente cristã é violentada ao sair de igreja

NDIA (32º) - A calma do feriado de Páscoa foi interrompida com a chegada de notícias sobre o suposto abuso de uma garota de 18 anos por pessoas não identificadas próximo a uma igreja em Narayanaguda.

A garota, que estava sangrando, foi encontrada em um centro comercial que fica próximo à igreja. Ela foi levada de carro para uma clínica particular por um desconhecido, que depois foi embora sem deixar seus dados.

Tempos depois, ela foi levada às pressas para o Hospital e Maternidade do governo em Petlaburj em uma ambulância, onde os médicos confirmaram o abuso. A polícia municipal registrou o crime e enviou três equipes especiais para procurar os criminosos.

A menina estava no culto com sua mãe quando recebeu uma ligação e saiu do templo. Três horas depois, sua mãe recebeu uma ligação avisando o que havia acontecido com sua filha.

A polícia ainda não sabe para onde a garota foi levada após o telefonema ou como ela foi encontrada no local público, nem quem avisou sua mãe sobre o acontecido.

Foram levantadas diversas questões sobre o policiamento local, pois a adolescente cristã foi levada à força, violentada e deixada em um local público sem que houvesse interferência da polícia.


Tradução: Deborah Stafussi



Fonte: All India Christian Council

Homem mantem braço erguido a 38 anos em adoração ao deus Shiva


O indiano Bharati Amar (foto) garante que mantém seu braço direto erguido há 38 anos em devoção a Shiva. Verdade ou não, fotos mostram que seu braço se atrofiou. Virou uma haste de osso e pele com unhas retorcidas.

Em 1970, Amar teria se sentido culpado por ter uma boa vida de classe média e largou o emprego, a mulher e três filhos para se dedicar ao deus hindu. Perambulou aos farrapos por estradas com um tridente de metal (a trishula), dependendo da caridade para comer.

Três anos depois, cismou que ainda não era merecedor de Shiva e decidiu algo mais radical: ergueu o braço. Amar suportou não só o incômodo da posição, mas também dores. Hoje, ele mal sente o braço.

Os indianos estão habituados com religiosos que se sacrificam pelas suas divindades por intermédio de bizarrices (do ponto de vista Ocidental). Tem gente que nunca toma banho, outros ficam sem comer por longo tempo e há quem durma de olhos abertos.

Mas a radicalidade de Amar superou a todos.

Ele se tornou um “homem santo” admirado por devotos de Shiva. Consta que alguns deles também levantaram o braço.

Fonte: Paulopes
Publicado por Renato Cavallera (perfil no G+ Social) em 29 de abril de 2011

Lutando contra a religião, novos ataques de ateus contra cristãos chamam a atenção da mídia

Desde meados do ano passado, uma campanha alertando o mundo do arrebatamento da Igreja no dia 21 de maio vem sendo feita por um grupo religioso ligado à Family Radio, liderada por Harold Camping. Recentemente, organizações ateístas americanas começaram uma “contracampanha”, marcando “celebrações do fim do mundo” para os dias 21 e 22 de maio.

Outdoors colocados em algumas cidades como Oakland, Califórnia, sede da Family Radio, afirmam que essa mensagem é absurda.

“Arrebatamento: Você sabe que é absurdo. Há 2000 anos esperando que aconteça a qualquer momento”, anunciam os outdoors financiados por um grupo de ateus americanos.

Segundo o site do grupo American Atheists, haverá uma “festa do arrebatamento” em que as pessoas são convidadas a “aprender a verdade”. Essas celebrações ocorrerão também em Houston, Texas, e Fort Lauderdale, na Flórida.

“Isso mostra como a religião machuca as pessoas”, explica David Silverman, presidente do American Atheists. “Nossa esperança é que aqueles que não são facilmente enganados aprendam com as pessoas que são”.

No início de abril teve início uma campanha nacional pelo reconhecimento do direito de o exército norte-americano contratar capelães ateus, que podem servir aos não religiosos.

O New York Times registrou que, por mais estranho que pareça, grupos que representam ateus e humanistas seculares estão exigindo a nomeação de um representante na capelania militar. Eles esperam com isso dar voz aos que consideram uma grande população de ateus enrustidos nas forças armadas.

Isso reflete a preocupação dos grupos ateus em receber aceitação como organização, possibilitando que distribuam sua literatura, anunciem seus eventos e advoguem suas convicções.

Mas a nomeação de um capelão ateu esbarra em uma das exigências do cargo. O candidato precisa pertencer a um “grupo religioso”.

Jason Torpy, ex-capitão do Exército e atual presidente da Associação Militar de Ateus e Pensadores Livres, disse que assim como um capelão protestante não pode fazer uma missa católica, um capelão humanista não poderia conduzir uma cerimônia de outro grupo.

“O humanismo desempenha o mesmo papel para os ateus que o cristianismo para os cristãos e o judaísmo para os judeus”, disse Torpy em uma entrevista. “Ele responde a perguntas de grande interesse, que dirigem os nossos valores.”

Samantha Nicoll, primeiro-tenente e ateia militante em Fort Bragg, na Carolina do Norte, afirma que um capelão criticou a iniciativa e disse: “Vocês não são um grupo de fé, são um grupo sem fé”. Ao que ela respondeu: “Que outra opção nós temos?”

Embora os líderes ateus reconheçam a aparente contradição de não-religiosos quererem assumir uma posição historicamente reservada a sacerdotes, eles acreditam que ocupar um posto na capelania irá encorajar ateus que acabam condenados ao ostracismo por ter uma visão diferente do mundo.

Estatísticas do Departamento de Defesa dos Estado Unidos indicam que cerca de 9.400 entre o 1,4 milhão de militares da ativa se identificam como ateus ou agnósticos, número maior que os que se declaram judeus, muçulmanos, hinduístas ou budistas. Perto de 90% dos 3.045 capelães em atividade são cristãos, ligados principalmente a grupos religiosos protestantes ou evangélicos. A queixa dos ateus é que esses sacerdotes recebem do governo para ativamente fazer convertidos dentro das forças armadas.

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos ainda não se pronunciou oficialmente sobre essa questão.

Fonte: Pavablog
Publicado por Renato Cavallera (perfil no G+ Social) em 29 de abril de 2011

quinta-feira, 28 de abril de 2011

MORRE DAVID WILKERSON, UM VERDADEIRO PROFETA



Pr. David Wilkerson: início de seu ministério junto a drogados e gangs de NY.


O mundo evangélico amanheceu triste com a notícia da morte desse grande profeta contemporâneo. David Wilkerson foi um grande homem de Deus que, com sua obra A Cruz e o Punhal, inspirou todo o mundo com o Movimento Desafio Jovem e abertura de casas de reabilitação para drogados. Muitos internos e muitos ex-drogados nem sabem quem foi esse homem de Deus. Li certa vez que um pregador que foi em uma cidadezinha dos Estados Unidos descrevera como Jesus andava, agia, falava e tratava com as pessoas, e alguém da multidão levantou-se e disse: "Jesus esteve aqui semana passada". Ele estava se referindo ao David Wilkerson que havia estado naquela cidade na semana anterior.


Reputo Wilkerson como tendo sido o último profeta da América. Seus sermões eram muito inspirados e proféticos. Tinha visão de seu tempo como poucos e suas últimas pregações, exortando a América ao arrependimento e à conversão para que Deus não traga seu iminente juízo e destruição, mais pareciam os discursos e pregações de Jeremias nas ruas de Jerusalém! Logo agora quando os EUA mais precisam de uma voz como a dele!


Os que desejarem conhecer melhor os sermões e a igreja desse servo de Deus, acessem:
http://www.tscpulpitseries.org/portuguese.html
http://www.worldchallenge.org/pt/taxonomy/term/202

Morreu ontem num acidente automobilístico, no estado do Texas, Estados Unidos, o pastor David Wilkerson. Ele dirigia um sedã Infinity e colidiu de frente com um caminhão.


De acordo com o Departamento de Segurança daquele estado, Wilkerson não estava usando cinto de segurança. A esposa do ministro, Gwen Wilkerson, de 70 anos, usava o cinto e sobreviveu. Ela foi transportada de helicóptero para o East Texas Medical Center, de Jacksonville, e seu estado é grave. O motorista do caminhão, Frederick Braggs, de 38 anos, foi atendido no mesmo hospital, mas sofreu apenas ferimentos leves.


David Wilkerson é conhecido mundialmente pelo seu trabalho na evangelização de drogados e jovens marginais e também pelo livro A cruz e o punhal, que relata os primeiros anos de seu ministério. Ele é o fundador do Desafio Jovem, entidade internacional dedicada a recuperar jovens do mundo das drogas e do crime.


A morte de David Wilkerson, aos 79 anos, também cala uma das vozes mais poderosas contra os desvios doutrinários e as aberrações comportamentais que invadiram a Igreja nos últimos anos. Ele se mostrava profundamente angustiado com a situação e com a letargia do povo de Deus diante do avanço desses modismos, cobrando uma atitude dos cristãos. Ele dizia: “Nós nos agarramos a nossas retóricas religiosas e conversas sobre avivamento, mas nos tornamos tão passivos! A verdadeira paixão nasce da angústia. Toda verdadeira paixão por Cristo vem de um batismo de angústia”. Que a sua morte não seja motivo de esquecermos as suas palavras.

Carro de David Wilkerson após o choque com um caminhão
fonte BLOG DO PASTOR GUEDES

Traficantes de drogas sequestram pastor no México

Saiba mais sobre a Igreja no México
MÉXICO (*) - Cerca de 500 pessoas estavam reunidas para o culto de domingo, 10 de abril, no Centro Cristão El Shaddai, na cidade mexicana de Lázaro Cárdenas, em Michoacan, quando quatro homens mascarados invadiram o local e atiraram para o alto.

Antes que os cristãos amedrontados percebessem o que estava acontecendo, seu pastor, Josué Ramírez Santiago, tinha sido levado. Alguns relatos na mídia afirmam que os sequestradores, possíveis traficantes de drogas, estavam em dez homens.

No dia seguinte, a família do pastor recebeu notícias de que os criminosos queriam um resgate de 20 milhões de pesos (cerca de US$ 1,7 milhão). Mesmo se a família conseguisse reunir essa enorme quantia, o pagamento não seria garantia de que a vítima retornaria viva.

Arturo Farela, diretor da Fraternidade Nacional de Igrejas Evangélicas, assegurou que os ligados ao crime organizado e cartéis de droga têm os cristãos como alvo porque eles veem as igrejas como fonte de renda e também porque os cristãos apoiam programas de reabilitação de viciados em drogas e álcool.

“A maior parte dos centros de reabilitação que foram atacados pelo crime organizado em Ciudad Juarez, Tijuana, Tepic e outros lugares, pertencem à comunidade evangélica”, disse Farela. “Além disso, mais de 100 pastores mexicanos e estrangeiros que viviam em Ciudad Juarez tiveram que abandonar a cidade por causa das ameaças e tentativas de suborno. É claro que muitos pastores e suas famílias já foram vítimas de extorsão, ameaças, sequestros e homicídios”.


Tradução: Deborah Stafussi

* Este país não se enquadra entre os 50 mais intolerantes ao cristianismo.

Fonte: Compass Direct

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Muçulmanos assassinam evangelista e agridem esposa grávida

ETIÓPIA (43º) - Na quinta-feira, dia 21 de abril, quatro muçulmanos agrediram fisicamente um evangelista até a morte e atacaram sua esposa, que estava grávida, em Worabe, Etiópia, área 97% muçulmana.

Os muçulmanos atraíram o evangelista Abraham Abera para fora da Igreja Kale Hiwot, onde mora e ministra. Eles disseram que o amigo dele estava doente e precisava de atenção imediata. Abraham saiu com eles; então, eles começaram a agredi-lo com varas. A esposa do evangelista, Birtukan, viu os homens agredindo seu marido e correu para interferir, mas os muçulmanos a agrediram também.

Abraham morreu na hora e sua esposa, que estava com diversos ferimentos na cabeça, foi abandonada, inconsciente na rua. Quando a encontraram, a levaram para um hospital em Butajira, onde começou a recuperar a consciência e pôde contar os detalhes do ataque. Birtukan disse que conhecia dois dos agressores. Ela declarou que, enquanto os homens os agrediam, eles diziam: “Vocês, cristãos, estão ficando mais numerosos em nossa região. Vocês estão espalhando essa mensagem (o evangelho). Vamos destruir vocês”.

Apesar de Birtukan ter sofrido diversos ferimentos no corpo, felizmente seu bebê está vivo.

Os agressores continuam soltos. Um líder cristão na área disse que os homens podem não ser presos porque os oficiais locais também são muçulmanos.


Tradução: Deborah Stafussi



Fonte: ANS

terça-feira, 26 de abril de 2011

Com 84% de crentes, Brasil é o terceiro país com mais pessoas que acreditam em Deus, revela pesquisa


O Brasil foi o terceiro país em que mais se acredita em ‘Deus ou em um ser supremo’ em uma pesquisa conduzida em 23 países.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A pesquisa, feita pelo empresa de pesquisa de mercado Ipsos para a agência de notícias Reuters, ouviu 18.829 adultos e concluiu que 51% dos entrevistados ‘definitivamente acreditam em uma ‘entidade divina’ comparados com os 18% que não acreditam e 17% que não têm certeza’.

O país onde mais se acredita na existência de Deus ou de um ser supremo é a Indonésia, com 93% dos entrevistados. A Turquia vem em segundo, com 91% dos entrevistados e o Brasil é o terceiro, com 84% dos pesquisados.

Entre todos os pesquisados, 51% também acreditam em algum tipo de vida após a morte, enquanto que apenas 23% acreditam que as pessoas param de existir depois da morte e 26% ‘simplesmente não sabem’.

Entre os 51% que acreditam em algum tipo de vida após a morte, 23% acreditam na vida após a morte, mas ‘não especificamente em um paraíso ou inferno’, 19% acreditam ‘que a pessoa vai para o paraíso ou inferno’, outros 7% acreditam que ‘basicamente na reencarnação’ e 2% acreditam ‘no paraíso, mas não no inferno’.

Nesse mesmo quesito, o México vem em primeiro lugar, com 40% dos entrevistados afirmando que acreditam em uma vida após a morte, mas não em paraíso ou inferno. Em segundo está a Rússia, com 34%. O Brasil fica novamente em terceiro nesta questão, com 32% dos entrevistados.

Mas o Brasil está em segundo entre os países onde as pessoas acreditam ‘basicamente na reencarnação’, com 12% dos entrevistados. Apenas a Hungria está à frente dos brasileiros, com 13% dos entrevistados. Em terceiro, está o México, com 11%.

Entre os que acreditam que a pessoa vai para o paraíso ou para o inferno depois da morte, o Brasil está em quinto lugar, com 28%. Em primeiro, está a Indonésia, com 62%, seguida pela África do Sul, 52%, Turquia, 52% e Estados Unidos, 41%.

Criação X evolução
As discussões entre evolucionistas e criacionistas também foram abordadas pela pesquisa do instituto Ipsos.

Entre os entrevistados no mundo todo, 28% se definiram como criacionistas, acreditam que os seres humanos foram criados por uma força espiritual como o Deus em que acreditam e não acreditam que a origem do homem viesse da evolução de outras espécies como os macacos.

Nesta categoria, o Brasil está em quinto lugar, com 47% dos entrevistados, à frente dos Estados Unidos (40%). Em primeiro lugar está a Arábia Saudita, com 75%, seguida pela Turquia, com 60%, Indonésia em terceiro (57%) e África do Sul em quarto lugar, com 56%.

Por outro lado, 41% dos entrevistados no mundo todo se consideram evolucionistas, acreditam que os seres humanos são fruto de um lento processo de evolução a partir de espécies menos evoluídas como macacos.

Entre os evolucionistas, a Suécia está em primeiro lugar, com 68% dos entrevistados. A Alemanha vem em segundo, com 65%, seguida pela China, com 64%, e a Bélgica em quarto lugar, com 61% dos pesquisados.

Descrentes e indecisos
Entre os 18.829 adultos pesquisados no mundo todo, um total de 18% afirmam que não acreditam em ‘Deus, deuses, ser ou seres supremos’.

No topo da lista dos descrentes está a França, com 39% dos entrevistados. A Suécia vem em segundo lugar, com 37% e a Bélgica em terceiro, com 36%. No Brasil, apenas 3% dos entrevistados declararam que não acreditam em Deus, ou deuses ou seres supremos.

A pesquisa também concluiu que 17% dos entrevistados em todo o mundo ‘às vezes acreditam, mas às vezes não acreditam em Deus, deuses, ser ou seres supremos’.

Entre estes, o Japão está em primeiro lugar, com 34%, seguido pela China, com 32% e a Coréia do Sul, também com 32%. Nesta categoria, o Brasil tem 4% dos entrevistados.
FONTES G+

Barack Obama vai a Igreja Batista para celebrar a Pascoa



O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e sua família participaram neste domingo da cerimônia religiosas da Igreja Batista de Shiloh, em Washington, um centro fundado em 1863 por um grupo de escravos libertos.

Os Obama foram recebidos com aplausos na sua chegada à igreja e sentaram-se nos assentos da segunda fila. Localizada a 3 km da Casa Branca, a igreja Batista de Shiloh é uma das congregações afro-americanas mais antigas da capital do país.

O reverendo Wallace Charles Smith deu neste domingo as boas-vindas a Obama, sua esposa Michelle e suas filhas Malia e Sasha. Smith brincou que além da família presidencial havia outro “convidado especial” entre os fiéis, seu neto de quatro semanas que visitava a igreja pela primeira vez.

Em meio às preces, um dos membros da congregação disse que rezam pela família presidencial, quem garantiu, necessitará de ajuda divina “durante os próximos seis anos”, e deu como certa a reeleição de Obama nas eleições de 2012.

Fonte: Terra
Publicado por Renato Cavallera (perfil no G+ Social) em 26 de abril de 2011

Cristãos são presos por participarem de culto de Pascoa


Apesar dos apelos dos grupos de liberdade religiosa, as autoridades chinesas continuaram sua ofensiva a uma Igreja proeminente do país, impedindo centenas de Cristãos de realizar o culto de Páscoa ao ar livre no domingo.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Policias uniformizados e à paisana esperam os membros da Igreja Shouwang, um grupo de protestantes, se reunirem para um culto de Páscoa ao ar livre em um parque rodeado por uma cerca de metal recém-construída perto de uma zona comercial de Pequim, 24 de abril de 2011. A polícia chinesa deteve dezenas de cristãos, no local planejado para um culto proibido no domingo de Páscoa.

Dezenas dos 1.000 membros da Igreja Shouwang, uma das maiores Igrejas protestantes não registradas de Pequim, foram detidos, enquanto pelo menos 500 foram confinados em suas casas, de acordo com a China Aid Association.

“Estamos profundamente decepcionados que as autoridades chinesas tenham decidido interromper adoradores pacíficos que foram simplesmente celebrar a Páscoa hoje,” disse Bob Fu, fundador da China Aid e Pastor Presidente, em um comunicado neste domingo.

“Ao fazer isso, o governo chinês mais uma vez demonstra seu total desrespeito à liberdade dos cidadãos chineses de base religiosa e liberdade de culto. Continuamos a exortar o mundo livre a se manter firme em solidariedade aos fiéis perseguidos na China.”

Esta é a terceira semana consecutiva que os membros da Shouwang foram impedidos de cultuar. Embora consciente dos riscos, a Igreja evangélica começou a agendar cultos ao ar livre este mês, após a intervenção do governo tornou-se impossível para a Igreja garantir um local fechado para reunião. A Shouwang tem sido expulsa de vários locais alugados.

Antes do culto de Páscoa, a Comissão dos EUA sobre Liberdade Religiosa Internacional apelou ao governo chinês que permita que os Cristãos prossigam com seus cultos de adoração durante a semana mais sagrada do Cristianismo, sem perseguição ou detenção.

O diretor da USCIRF, Leonard Leo denunciou a “intolerância” da China para a atividade religiosa pacífica e observou que, no caso da Shouwang, a Igreja procurou seguir as regras, mas em vão.

“A Igreja Shouwang tentou seguir as regras que o governo chinês continua mudando. A ação de Pequim ainda aliena o rápido crescimento do número de crentes religiosos na China, especialmente durante a Páscoa, a semana mais sagrada no Cristianismo,” disse ele numa declaração anterior.

Enquanto a China permite a liberdade de crença religiosa e protege as atividades religiosas, os grupos religiosos devem se registrar com o governo e os funcionários e funcionar de acordo com as entidades religiosas, como a Tríplice Autonomia do Movimento Patriótico e o Conselho Cristão da China.

Não cadastrados, ou casa, as Igrejas não estão proibidas, mas não estão autorizados a apoiar abertamente a realização dos cultos religiosos.

Antes da Páscoa, os líderes da Igreja Shouwang enviaram um e-mail para a congregação para informar a localização da reunião. O e-mail revelou que vários membros da Igreja tinham sido forçados a mudar ou deixar seus empregos, de acordo com o New York Times. Eles também indicaram que esperavam ser parados pela polícia.

De acordo com a China Aid, que monitora os direitos humanos e a perseguição na China, a polícia de Pequim agiu antes detendo quatro evangelistas da Shouwang na quinta-feira. Enquanto isso, o fundador da Igreja e pastor sênior, Jin Tianming, permaneceu sob prisão domiciliar.

Outras Igrejas em Pequim manifestaram a sua solidariedade para com a Shouwang se unindo em oração e jejum.

Em meio à crescente pressão de grupos de direitos humanos, juntamente com a USCIRF, os Estados Unidos está agendado para manter um diálogo de dois dias sobre direitos humanos com a China, que começa na quarta-feira. Os debates estarão centrados na evolução dos direitos humanos, liberdade religiosa e a liberdade de expressão, entre outras coisas.


Publicado por Renato Cavallera (perfil no G+ Social) em 26 de abril de 2011

Cristãos argelinos são presos por proselitismo e blasfêmia

Saiba mais sobre a Igreja Perseguida na Argélia
ARGÉLIA (22º) - No dia 14 de abril, dois cristãos argelinos foram presos em Orã por compartilharem sua fé com seus vizinhos. Eles deverão se apresentar ao tribunal para responder às acusações de proselitismo e blasfêmia, e poderão enfrentar a sentença de um ano de prisão.

Um dos cristãos, Sofiane, foi liberado um dia depois de sua prisão, mas Krimo permaneceu preso durante três dias. Após a prisão, a polícia Argelina revistou a casa de Krimo procurando por Bíblias e outros materiais cristãos.

Krimo é conhecido por realizar cultos de orações em sua casa. Os cristãos argelinos suspeitam que as reuniões estavam sendo monitoradas pela polícia.

Uma audiência, inicialmente para o dia 27 de abril, foi adiada. Os cristãos argelinos temem que uma lei apresentada em 2006 – exigindo que os cultos necessitassem de permissão do governo – seja aplicada, o que pode resultar em cinco anos de prisão e uma multa de US$ 1.390,00. A liderança da igreja demonstrou frustração em relação à negligência do governo em registrar as igrejas.

“A Igreja Protestante da Argélia (EPA) contratou um advogado para defender Krimo e Sofiane. Estamos esperançosos de que eles serão inocentados. Apesar de a constituição dizer que devemos respeitar outras religiões além do islamismo, o governo é islâmico, e o Artigo 2 diz que o ‘Islã é a religião do Estado’. Não há respeito pelos direitos humanos ou pela liberdade religiosa e a igreja protestante está sofrendo”, diz um pastor.


Tradução: Deborah Stafussi



Fonte: International Christian Concern e portas abertas

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Pastor ora em bomba de combustivel para que preço da gasolina diminua



No Brasil e no mundo o preço do combustível não para de subir. A crise é mundial e a maioria dos consumidores só podem lamentar, mas um pastor decidiu ir mais além e fazer alguma coisa contra isso. As informações são do Correio da Manhã.

Na Geórgia, Estados Unidos, Marshall Mabry, Pastor da Igreja Centro Cristão Farol de Luz, levou sua fé até a economia e está organizando grupos de orações em postos de gasolina para fazer com que os preços diminuam. O Pastor também afirma que quando está nas bombas de combustível orando pede a Deus que estabilize a economia mundial.
Na última semana aconteceu o terceiro encontro de oração. Contra os críticos e pessoas que não acreditam que atitude não irá funcionar, o Pastor Marshall disse: “quando se junta para orar, a comunidade pode fazer algo acontecer”.

Fonte: Gospel+

sábado, 23 de abril de 2011

O último Adeus ao pastor João Carlos Padilha


Obreiros e assembeianos de todo o Brasil e do exterior foram a Presidente Prudente dar o último adeus ao pastor João Carlos Padilha de Siqueira, 44 anos, falecido neste dia 21 de abril, após uma luta contra o câncer.
O templo da AD da Rua Bela ficou muito pequena para as milhares de pessoas que estiveram na igreja, tanto no dia 21 como na sexta, 22.
No dia 21, quinta, foram realizados, desde a chegada do corpo, ás 9 e meia da manhã, três cultos, com a palavra de vários líderes.
Na sexta, ás 8 da manhã teve inicio o culto de despedida, todos eles dirigidos pelo patriarca pastor Carlos Padilha de Siqueira, 84.
O corpo saiu do templo por volta das 11 e meia, no carro do Corpo de Bombeiros, escoltado por seis policiais, e seguiu numa carreata seguida por centenas de carros e motos. No local do sepultamento lágrimas e choros e a ao descer o caixão, irmã Márcia , esposa, muito comovida se despediu cantando um hino que comoveu a todos.
No culto a palavra de líderes que lembraram o trabalho e exemplo deixado pelo pastor João Carlos.
O pastor presidente da AD Curitiba, Wagner Tadeu Gabi disse que o “mundo está vazio de modelos para serem imitados, mas que o trabalho do pastor João Carlos, nós podemos , sim , imitar” afirmou o líder.
O missionário brasileiro, radicado na Colômbia, pastor José Satiro dos Santos fez um telefonema e o áudio foi colocado para toda a igreja , e ele também registrou sua tristeza pelo passamento do jovem pastor.
O pastor Padilha ao apresentar o deputado Paulo Freire, citou o versículo “em todo o tempo ama o amigo e na angústia nascerá um irmão”, e com a voz embargada e chorosa, declarou o apoio dado pelo pastor nestes momentos difíceis que eles enfrentaram. Sempre que ia a região de Prudente, pastor Paulo Freire, realizava uma visita ao pastor João Carlos. Em suas palavras carregadas de emoção ele disse que ”o mundo ficava mais pobre, mas os céus ganhava”
Para o missionário Joel Freire a perda para a obra missionária foi irreparável, e afirmou que ele “amava a obra missionária e que o pastor João Carlos cumpriu a vontade de Deus para sua geração”.
O presidente do Conselho de Pastores da Cidade, o pastor presbiteriano Ismael Leandro, ressaltou que a cidade perdeu com sua morte.
O presidente da AD em Apucarana (PR) pastor Daniel Acioli trouxe uma palavra de conforto a todos.
O vice-presidente do Belenzinho, pastor José Wellington Jr também deixou sua mensagem comovido.
Para o presidente da Convenção Geral, pastor José Wellington Bezerra da Costa, ainda não dá para mensurar o tamanho da perda e ressaltou que “por onde ele passou deixou um rastro luminoso de um homem que amava o Senhor”.
Pastor João Carlos deixou a irmã Márcia, suas filhas Marcieli, Maressa e o filho João Carlos Jr e o genro Rodrigo Christen.
Ele presidia a Comissão de Contas da Convenção Geral e em seu lugar foi destacado o pastor presidente da convenção baiana Israel Alves. Fica agora a expectativa para o anúncio da nova direção da igreja em Prudente.


Pastor Juares Lima
Blog Diario da Fé

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Menino-bomba conta que talibãs lhe promete o céu


Menino-bomba sobrevivente conta que talibãs lhe prometeram o céu
Quando Umar Fidai (foto), 14, acionou o seu cinturão de bombas, ficou decepcionado: o dispositivo falhou. Restava-lhe uma granada, mas, antes que pudesse detoná-la, foi atingido por um tiro de um policial. O seu colega de 15 anos, contudo, já tinha se explodido, matando 7 pessoas e ferindo outras centenas que tinham ido a um santuário da minoria sufi no Paquistão, na cidade Dera Ghazi Khan. O atentado ocorreu no começo deste mês.


Fidai – que perdeu um braço – diz agora estar arrependido e que acreditava que o atentado fosse levá-lo para o paraíso, conforme lhe prometeram talibãs.


Disse que no dia do atentado seguiu à risca a orientação que recebera: após a explosão causada pelo seu colega, ele ficou o mais próximo possível do maior número de pessoas, que certamente morreriam, caso o seu cinto não tivesse falhado.


"Foi um momento de felicidade para mim quando notei que tinha chegado o momento certo [para a denotação das bombas]. Eu pensei que haveria um pouco de dor, mas logo estaria no céu."

Fidai afirmou que se arrependeu ainda no local da explosão, quando, atingido por uma bala, foi socorrido por policiais.



No hospital, ele pediu perdão às famílias dos mortos pelo seu “terrível engano”. Ela também se disse vítima, só que da lavagem cerebral dos talibãs. "Os talibãs rezam e leem o Alcorão o tempo todo, e eu pensei que eles fossem boas pessoas.”


Mesmo na prisão, o rapaz teme ser morto por talibãs por ter falhado no atentado.
Com informação Pulo Lopes Web Blog e da BBC.
www.amigodecristo.com
Postado por: Roberto Falbo Sexta-feira,22 Abril, 2011

Marco Feliciano é presença confirmada no Gideões 2011


O pastor Marco Feliciano será um dos pregadores no 29º encontro de missões GMUH (Gideões Missionários da Última Hora) que acontecerá entre os dias 23 de abril e 3 de maio na cidade de Camboriú, Santa Catarina, esse evento reúne todos os anos centenas de milhares de pessoas.

Este ano as reuniões acontecerão em dois locais, do dia 23 ao dia 28 o evento será realizado no Pavilhão dos Gideões e do dia 29 em diante no Ginásio Irineu Bornhausen, onde o pastor Marco Feliciano estará ministrando.

Feliciano foi convidado para ministrar no congresso pelo pastor Cesino Bernardino, presidente GMUH e seu filho pastor Reuel Bernardino, vice-presidente. Essa é o 12º ano consecutivo que Marco Feliciano participa do evento.

Fonte: Gospel Prime / Via: Diariogospel.com

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Evento religioso no Aterro do Flamengo complica trânsito de veículos no Centro do Rio


RIO - Os motoristas que seguem pela Av.Presidente Vargas em direção à Candelária encontram trânsito intenso e alguns pontos de retenção. Por conta do culto em comemoração ao 13º aniversário da Igreja Mundial do Poder de Deus, ue começou por volta das 9h e segue até as 14h, no Aterro do Flamengo, a pista lateral no sentido Centro da via está interditada. O Viaduto da Perimetral também foi fechado ao tráfego de veículos por conta do evento, mas foi liberado por volta das 11h.

No Aterro, desde cedo, era grande o movimento de ônibus fretados por fiéis que participarão do encontro religioso, como mostram mensagens postadas no Twitter. Os ônibus, que desembarcam os participantes do culto, em frente ao Monumento aos Pracinhas, formam uma longa fila em direção à Avenida Presidente Vargas, onde a faixa da direita, sentido Candelária, está interditada para o estacionamento dos coletivos. De acordo com a Guarda Municipal, são cerca de 500 ônibus. A previsão é de que 100 mil pessoas participem do culto.

Carros e ônibus estacionados fora das áreas pré-estabelecidas estão sendo rebocados por agentes de trânsito.

Agentes da prefeitura e da Guarda Municipal controlam o trânsito, que até o momento não apresenta grandes congestionamentos, principalmente nas vidas da Praia do Flamengo e no Catete. Há ligeira retenção apenas na Av.Beira-Mar, próximo ao obelisco da Av.Rio Branco.

Embora o evento esteja previsto para terminar às 14h, algumas vias continuarão interditadas até as 16h.

Após ter proibido a realização do evento evangélico nesta quinta-feira, a Secretaria de Segurança voltou atrás e autorizou a festa em comemoração do "13º aniversário da Igreja Mundial do Poder de Deus" . Em nota divulgada na tarde desta quarta-feira, a secretaria informa que "o pedido de autorização da organizadora do evento havia sido vetado pelo 2º Batalhão da Polícia Militar (Botafogo) por motivo de precaução.



fonte
http://extra.globo.com/noticias/rio/rio-transito/evento-religioso-no-aterro-do-flamengo-complica-transito-de-veiculos-no-centro-do-rio-1640232.html

Cristão convertido do islamismo é assassinado

SOMÁLIA (5º) - Na segunda-feira, 18 de abril, dois extremistas muçulmanos assassinaram um integrante de uma comunidade cristã secreta como parte de uma campanha para eliminar o cristianismo do país.

Fontes locais disseram que dois militantes do grupo al Shabaab atiraram em Hassan Adawe Adan, de 21 anos, após entrar em sua casa às 19h30.

“Dois integrantes do al Shabaab arrastaram Hassan para fora da casa, e 10 minutos depois, dispararam diversos tiros contra ele. Ele morreu imediatamente.”

Então os militantes gritaram “Allahu Akbar” (Alá é grande) antes de fugir.

Hassan era solteiro e vivia com sua família muçulmana. Ele havia se convertido ao cristianismo há alguns meses. Os cristãos da área dizem que suspeitaram que alguém havia informado os militantes cristãos sobre sua conversão. Uma fonte diz que um parente que pertencia ao al Shabaab disse para a mãe do jovem que suspeitava que era cristão.

“Esse incidente está fazendo com que muitos cristãos vivam com medo, pois os militantes sempre perseguem as pessoas que professam a fé cristã.”

Há dois meses houve um grave conflito entre os militantes do al Shabaab e as forças do Governo Federal de Transição (TFG), em que o TFG conseguiu reaver algumas áreas controladas pelos rebeldes. Os insurgentes do al Shabaab controlam a maior parte da região sul e central da Somália.

Os insurgentes querem impor uma versão muito rígida da sharia (lei islâmica), mas o governo de Mogadishu está lutando para controlar as terras cristãs melhor do que os extremistas fazem. Enquanto descreve a si mesmo como moderado, o presidente Sheikh Sharif Sheik Ahmed apoia a versão da sharia que ordena a pena de morte para todos aqueles que deixarem o islamismo.

Tradução: Deborah Stafussi

Fonte: Compass Direct

terça-feira, 19 de abril de 2011

Pastor e filha são assassinados por militantes

Saiba mais sobre a Igreja na Colômbia
COLÔMBIA (*) - No sábado, dia 12 de fevereiro, dois homens armados foram até a casa de um pastor e, alguns minutos depois, atiraram nele, em sua filha de 9 anos e em uma mulher da igreja. Os militantes reagiram contra o pastor devido a sua oposição em dar dinheiro para apoiar o grupo revolucionário.

Por volta das 10h, os homens armados chamaram por Maximo Suarez Romero, pastor de uma pequena comunidade cristã em “Divino Niño”, a 90km de Riohacha, capital da região de La Guajira. Os membros da igreja estavam reunidos na residência do pastor para seu tempo habitual de jejum na manhã de sábado. O pastor foi atender à porta e encontrou os dois indivíduos. Minutos depois, os cristãos que estavam dentro da casa ouviram uma pequena discussão. Os cristãos não puderam ajudar porque, quando foram ver o que estava acontecendo, os assassinos balearam o pastor Suárez, sua filha Nubia Melisa Suarez Sanchez e Maylen Cecilia Guevara, jovem de 27 anos, que fazia parte da igreja.

Os homens armados estavam envolvidos na arrecadação de fundos para o apoio a um grupo revolucionário, como parte de um programa de financiamento. No entanto, quando os homens chegaram, o pastor havia acabado de ensinar sobre o Salmo 15, versículo 5, que fala sobre não aceitar subornos e propinas: “...nem aceita suborno contra o inocente. Quem assim procede nunca será abalado!”. O pastor Suárez se recusou a apoiar o grupo revolucionário, e foi baleado.

Guevara, um membro da igreja local, morreu imediatamente e outra criança também ficou ferida e precisou ser atendida pelos médicos. Nubia Suarez Melisa Sánchez, a filha do pastor, faleceu às 0h.

Maximo Suarez Romero recebeu dois tiros, um no tórax e outro no braço direito. Ele foi levado para o Centro Médico de Mingueo e depois para o hospital “Nuestra Señora de los Remedios”, onde faleceu. Ele tinha 37 anos de idade. O pastor deixa uma esposa, Aida Sanchez, de 32 anos, e três crianças abaixo dos 18 anos.

O pastor era o único responsável pelo sustento da casa. Ele também cuidava de seu pai e sua esposa.

Os criminosos conseguiram fugir.


Tradução: Missão Portas Abertas

Última Ceia ocorreu numa quarta e não numa quinta, diz pesquisador


O professor Colin Humphreys da Universidade de Cambridge está lançando um livro onde ele afirma que a Última Ceia teria acontecido na quarta-feira anterior à crucificação, segundo informações do The Daily Telegraph.

Baseado em dados históricos, bíblicos e astronômicos o professor está lançando “The Mistery of the Last Supper” (O Mistério da Última Ceia, em livre tradução) onde ele explica como descobriu o dia exato que Jesus teria repartido o pão pela última vez com seus discípulos.

Muitos pesquisadores questionavam sobre esse assunto sem chegar a uma conclusão por causas de uma aparente inconsistência bíblica. Os livros de Mateus, Marcos e Lucas afirmavam que a Última Ceia coincidiu com o início da Páscoa judaica. Enquanto que o livro de João sustentava que havia ocorrido anteriormente.

Para desfazer essa confusão o professor Humphreys acredita que Jesus, junto com Mateus, Marcos e Lucas, teriam utilizado um calendário diferente do de João. Por esta hipótese, Jesus ateve-se a um velho calendário judeu ao invés de utilizar o calendário lunar oficial que naquela época já estava difundido.

Sendo assim, o Jantar da Páscoa – a Última Ceia – teria sido realizado na quarta-feira, o que explica a existência de muitas atividades entre esse evento e a crucificação. Assim, a detenção, o interrogatório e o julgamento aos quais foi submetido Jesus não ocorreram no espaço de uma só noite.

Fonte: EFE
e ng

Igreja Mundial se recusa a fechar templo com irregularidades



Não atentendo o pedido da justiça, a Igreja Mundial do Poder de Deus, do apóstolo Valdemiro Santiago não atendeu ao pedido do MP-SP (Ministério Público do Estado de Paulo) para fechar imediatamente a sua sede no bairro do Brás, em São Paulo.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Em audiência realizada na quinta-feira (14) diante da juíza Maria Gabriella Pavlópoulos Spaolonzi, da 13ª Vara da Fazenda Pública, a procuradora Mabel Tucunduva argumentou que fotos periciais comprovam irregularidades no prédio da igreja, como falta de portas corta-fogo, banheiros sem boas condições de higiene, ausência de proteção acústica e poucas vagas de estacionamento, o que tem contribuído para o congestionado no entorno do local.

Representantes da igreja alegaram que as fotos são antigas, mas ainda assim afirmaram que o prédio vai permanecer fechado por até 120 dias para reforma. Mas nos termos da audiência não fica claro quando terão início essas reformas.

Representantes de moradores do Brás saíram do encontro decepcionados, porque o problema do congestionamento vem se arrastando sem uma perspectiva de solução.

Uma morada disse que, por determinação do Contru, o templo não pode abrigar mais do que 8.000 pessoas, mas ali, segundo ela, tem se juntado nos cultos o dobro disso, no mínimo.

“Continuamos na espera de que a Justiça aplique o rigor da lei”, disse uma moradora.

Fonte: Paulo Lopes

Igrejas receberão armas na campanha do desarmamento


.A nova campanha do desarmamento incluiu as igreja entre os locais de recolhimento de armas e reduzirá a burocracia na coleta, dispensando o detentor do armamento de se identificar. Essa é uma das novidades da campanha deste ano, que será iniciada no dia 6 de maio.
Nas campanhas nacionais anteriores, no ato da devolução da arma de fogo o cidadão tinha de dar informações pessoais, como o número do CPF e de uma conta bancária, para o governo depositar a indenização. Na nova campanha, ao entregar a arma, o cidadão vai receber uma autorização para retirar o valor em uma agência do Banco do Brasil ou em caixas eletrônicos.

De acordo com o Ministério da Justiça, os valores de indenização continuarão os mesmos, variando de R$ 100 a R$ 300. Para este ano, o orçamento da Pasta para o programa de indenizações é de R$ 10 milhões.
.infomaçao http://br.noticias.yahoo.com/

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Missionários atacados durante exibição de filme Jesus


tantes anti-cristãos atacaram um grupo de missionários na Ásia durante a exibição de um filme sobre a vida de Cristo.

Quando o problema começou, cerca de 150 pessoas, incluindo crianças, mulheres e adultos, estavam assistindo o filme, que era projetado em um telão ao ar livre.

O líder do filme Sarwar Howlader estava trabalhando com um pastor local, Gayak Samaga, que é um missionário da Gospel for Asia-supported. A equipe do filme foi convidada para ir até a vila por um empresário local, Lakshan Jatan, que assistiu ao filme, quando a equipe mostrou que em outra cidade.

Depois que a multidão observava atentamente por mais de uma hora o filme, um grupo de seis radicais anti-cristão se aproximou da equipe do filme e mandou que parassem a exibição fazendo-lhes ameaças.

Sarwar Howlader disse que tinham autorização dos líderes da aldeia para exibir o filme. Quando os militantes estavam prestes a atacá-los fisicamente, a multidão começou a gritar contra os radicais.

Naquele momento ficou claro que os moradores queriam ver mais sobre a vida de Jesus. Os militantes ficaram enfurecido.

Os invasores tentaram incitar a multidão contra os missionários apoiados por dizer que eles estavam tentando forçar as pessoas a se tornarem cristãos.

Frustrados e irados, os seis militantes avançaram com a intenção de agredir fisicamente Sarwar e o resto da equipe. Os missionários, não querendo criar problemas para a igreja local por estar envolvido em uma briga, recuaram e deixaram a aldeia, para o desespero do povo.

"Há duas equipes de cinema que trabalham nesta área difícil", observa o presidente da missão Yohannan. "Vamos orar pela segurança da equipe que foi atacada".

Fonte: Charisma News

domingo, 17 de abril de 2011

Ore pelo 11º país no ranking de perseguição: Paquistão

PAQUISTÃO (11º) - O governo republicano do presidente Asif Ali Zardari tem o islamismo muito presente entre os 180 milhões de pessoas. Dentre estes, somente 5.3 milhões são cristãos, compondo 3% da população no país que têm chamado a atenção da mídia internacional e ocupado o 11 º lugar na Classificação de países por perseguição: Paquistão.

A liberdade religiosa é constantemente degradada. Embora a perseguição não venha diretamente do Estado, a constituição e a legislação falham em proteger o direito das minorias religiosas. Em 2010, 29 cristãos foram mortos e 4 sentenciados por blasfêmia. Pelo menos 58 cristãos foram sequestrados e no mínimo 10 foram psicologicamente injuriados.

Durante a pior enchente da história do Paquistão em agosto de 2010, os cristãos vivenciaram uma discriminação local por parte das autoridades e de muçulmanos (radicais) quanto a distribuição de ajuda. Em novembro de 2010, uma mulher cristã foi sentenciada a morte por blasfêmia, sendo assim o primeiro caso registrado.

Pedidos de oração:

• Ore por aqueles que estão ajudando as vítimas das enchentes a reconstruírem suas vidas.

• Ore para que o governo reforme a Lei de blasfêmia e proteja mais as minorias religiosas.

• O sequestro de meninas para se converterem ao islamismo é comum. Ore por proteção a estas meninas cristãs.

Tradução: Carla Priscilla Silva
Fonte: Portas Abertas

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Declamador do Alcorão aceita Jesus e prega o evangelho

Saiba mais sobre a Igreja Perseguida no Irã
IRÃ (2º) - Haik Hovsepian (martirizado em 1994) uma vez pregou um sermão com o título “Salvação ou religião”. Essa foi uma mensagem muito poderosa, que tratou sobre cinco diferenças entre religião e a salvação em Cristo. A gravação foi amplamente distribuída no Irã. Uma das pessoas que, recentemente, teve acesso a uma dessas fitas é um declamador oficial do Alcorão. Ele tem uma voz muito forte, e foi convidado diversas vezes para ler passagens do Alcorão em diferentes mesquitas no Irã. Ele também recitava sobre a vida dos Imams (descendentes de Maomé). Ele era uma pessoa muito religiosa.

Quando ele recebeu a fita com o sermão de Haik, percebeu que somente através da religião ele não poderia ser salvo. Ele estava preso a alguns pecados imorais como alcoolismo e adultério, e era uma pessoa com o temperamento muito difícil. Quando ouviu sobre a diferença entre a religião e a salvação em Jesus, o Espírito Santo falou ao seu coração. Ele foi tocado pela mensagem, e escutou a fita mais algumas vezes.

Então, ele se sentiu mais convencido de que precisava da salvação em Jesus e entregou sua vida ao Senhor. Daquele momento em diante, ele não apenas ficou livre de seus pecados, mas também da religião com a qual ele se identificava tanto.

Após essa experiência, ele ficou muito feliz. No passado, ele usava camisas pretas, e seu trabalho era fazer as pessoas nas mesquitas chorarem. Mas depois de receber Jesus em sua vida, até as cores de suas roupas ficaram mais claras! Agora, ele usa sua voz para louvar ao Senhor e compartilhar sobre Jesus em todos os lugares.

Como ele era uma pessoa muito conhecida entre os líderes religiosos muçulmanos e muitas outras pessoas, em uma noite, a polícia secreta bateu em sua porta e o levou. Duas semanas depois, eles o libertaram da prisão sob fiança, para aguardar até o momento de seu julgamento. Ele teve que pegar metade do dinheiro emprestado de seus parentes, porque ele não tinha dólares o bastante em suas economias. Ele havia perdido seu emprego como declamador do Alcorão, e não tem nenhuma fonte de renda, então está muito difícil para ele se sustentar e pagar o empréstimo para sua família.

Pedidos de oração

- Ore para que ele consiga arranjar um emprego, para poder pagar a dívida para sua família e viver de modo digno.

- Ore por segurança, para que as pessoas que o conheciam como muçulmano e agora sabem que ele é cristão não o forcem a deixar sua nova fé em troca de dinheiro.

- Louve a Deus pela fé desse irmão e peça para que ele continue firme no caminho de Cristo, falando sobre Seu amor e a verdadeira salvação.


Tradução: Missão Portas Abertas

Asia Bibi, cristã condenada à morte, está gravemente doente



Asia Bibi com suas duas filhas. (Fofo: CNN)
PAQUISTÃO (11º) - Asia Bibi, cristã de 45 anos, mãe de cinco filhos que foi condenada à morte sob a lei de blasfêmia do Paquistão, está muito doente em uma solitária na prisão do distrito de Sheikhupura, e há muitas preocupações sobre o seu estado de saúde.

De acordo com Jibran Khan, da agência de notícias Asia News. “A cristã condenada a morte por blasfêmia diante de evidências falsas, está doente com varicela devido às condições de higiene precárias em que está sendo mantida”.

Haroon Barket Masih, presidente da Fundação Masih, que está provendo assistência jurídica e financeira para Asia, emitiu um comunicado que dizia: “Asia Bibi foi diagnosticada com varicela. Ela está sendo mantida em uma solitária por mais de três meses. Estamos preocupados com sua saúde, porque ela passa 24 horas por dia trancada na cela”.

“Ela necessita de cuidados médicos, e condições decentes de higiene e saúde. Ela pegou varicela devido ao ambiente sujo em que está. Ela não pode limpar sua cela ou os lençóis onde dorme. Apesar de sua debilidade física, ela jejua e ora por todos, não se importando com sua saúde. Asia Bibi está preocupada com a atual situação do Paquistão. Estamos tentando providenciar ajuda médica, para assegurar um local saudável para ela. Até agora, ela não foi atendida por um médico.”

Masih continua: “O dia das mães foi comemorado recentemente na Europa. Todos nós comemoramos esse dia enviando cartas e cartões, mas quem se lembrou dessa mulher doente, jejuando e orando em sua cela? Será que ela não gostaria de estar com seus filhos também? Ela é mãe, e orou por seus filhos. Por favor, continue a orar por Asia Bibi, que tem jejuado e orado também”.

O bispo Anthony Rufin disse: “Estou muito triste com as notícias sobre Asia Bibi, sobre seu estado de saúde e a maneira como tem vivido. Oramos para que ela receba o tratamento. É um tempo muito difícil para as minorias no Paquistão, e incidentes de violência têm se tornado cada vez mais numerosos. Por quanto tempo viveremos em medo? Devemos trabalhar juntos em uma campanha que promova harmonia e tolerância. Oramos por paz no Paquistão; um país onde todos nós poderemos viver livremente”.

Asia Bibi foi presa em 19 de junho de 2009 após discutir com um grupo de mulheres de seu trabalho. Ao responder seus convites para aceitar o islamismo, Asia disse: “Jesus está vivo, mas Maomé está morto. Nosso Cristo é o verdadeiro profeta de Deus, e o seu não”.

Ao ouvir isso, as mulheres muçulmanas ficaram nervosas e começaram a agredir Asia, que foi levada sob custódia da polícia e depois condenada à morte.

Saiba mais sobre Asia Bibi


Tradução: Missão Portas Abertas

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Confirmado: Assassino de alunos em Realengo frequentou mesquita islâmica. Anotações revelam ligação com suposto grupo terrorista


Contra muitas opiniões que afirmavam que Wellington Menezes não era muçulmano e até que ele seria cristão, foi confirmado que o jovem que matou 12 adolescentes em uma escola em Realengo era muçulmano, frequentou uma mesquita e fazia parte de um possível grupo terrorista.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Durante a série de depoimentos colhidos pela Polícia para a investigação, foi oficialmente assumido que o jovem assassino seria muçulmano radical, uma versão distorcida e extremista do Islamismo verdadeiro. Uma das irmãs do atirador revela que nos últimos anos ele frequentou uma mesquita no centro do Rio de Janeiro, contrariando a nota oficial da entidade afirmando que Wellington não frequentava templos da religião Islâmica.

Em cartas e manuscritos, revelados pelo programa Fantástico da TV Globo, foi possível também perceber a existência de um “grupo”, como ele chamava, liderado por um homem chamado de Abdul, que teria chegado de outro país para o Rio de Janeiro. Segundo relatos do próprio assassino para pessoas próximas, o grupo realizava reuniões fechadas na Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes, ambos na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

De acordo com os manuscritos, o grupo teria ido para o Rio de Janeiro e Wellington os procurou, após o jovem revelar o que acreditava e o que gostaria de fazer foi recebido como membro do “grupo”: “Tenho certeza que foi o meu pai quem os mandou aqui no Brasil ele reconheceu o Abdul e mandou que ele ‘viec’ com os outros precisamente ao Rio… porque quando eu os conheci e revelei ‘tudo’ a eles eu fui ‘muito’ bem recebido e houve uma grande comemoração”

As cartas também revelam que Wellington teve um desentendimento com o grupo e em seguida decidiu seguir sozinho com suas vontades. De acordo com o diário o rompimento com o grupo teria acontecido porque uma jovem não identificada teria o convidado para visitar uma igreja também não identificado: “É que eu resolvi falar sobre a menina que me convidou a ir a igreja dela e antes de eu terminar ele já foi cortar logo no início ao invés de ouvi-la depois disso ele me ligou umas vezes e eu disse que estou saindo por respeito ao grupo”.

Apesar de ter saido do grupo, Wellington pareceu se ligar ainda mais ao Islã radical tendo dedicado horas todos os dia para isso: “Estou fora do grupo, mas faço todos os dias a minha oração do meio-dia que é a do reconhecimento a Deus e as outras cinco que são da dedicação a Deus e umas quatro horas do dia passo lendo o alcorão. Não o livro, porque ficou com o grupo, mas partes que eu copiei para mim. E o resto do tempo eu fico meditando no lido e algumas vezes meditando no onze de setembro”.

Mesmo com o conteúdo dos manuscritos o sheik Jihad Hassan reafirma que Wellington Menezes não era muçulmano: “A religião islâmica proíbe esses atos. Ela não dá amparo, não ensina, ela não dá esses ensinamentos, ela não acolhe esse tipo de pessoa, esse tipo de pensamentos, ela ensina o bem. Ensina a preservar a vida, e não a tirar a vida”.

A Polícia Militar informou que não abrirá linha de investigação para saber se o ato foi um atentado terrorista. A Polícia Federal anunciou investigação para apurar se Wellington teve ligação com algum grupo terrorista.

Fonte: Gospel+
Publicado por Renato Cavallera (perfil no G+ Social) em 11 de abril de 2011

Vídeo: Ainda Hoje - Valdir Roxo e Conjunto da Igreja Sede

Poder de Deus no Lançamento do Cd Quero Almas

O Gideões Canguçu recebeu neste final de semana - 09 e 10 de Abril - o Cantor Valdir Roxo para o lançamento do seu CD "Quero Almas".
As festividades foram realizadas na Igreja Sede (Rua José Bonifácio, 312) e contou com a presença do Vice-Prefeito e também Evangelista da Igreja em Xangrilá/RS, o qual foi o preletor no referido evento.

A Igreja Assembléia de Deus - Gideões em Canguçu é pastoreada pelo Pr. Antonio Magnus Dias e tem como presidente o Pr. Adão Madeira.

O culto de lançamento foi dirigido pelo Cantor Zigomar Marques, sendo que durante todas as festividades, e em especial, durante o encerramento, foi notória a presença de Deus no meio do seu povo, manifestando Seu poder e glória.

PR MAGNUS
IGREJA LOTOU PRA OUVIR A PALAVRA DE DEUS

CANTOR ZIGOMAR MARQUES

CANTOR VALDIR ROXO

CANTOR VALDIR ROXO



Ev. ÉDSON MACHADO
Preletor

Ev. ÉDSON MACHADO

ALMAS RETORNANDO
PARA OS CAMINHOS DE JESUS

RETORNANDO AOS PÉS DE JESUS

sábado, 9 de abril de 2011

Lançamento do Cd: Quero Almas - Valdir Roxo

Menino evangélico ora e é poupado por atirador em Realengo


Mateus Moraes, 13 anos, foi talvez o único aluno que teve a clemência do atirador Wellington Menezes, na Escola Municipal Tasso Vieira, em Realengo. Enquanto o criminoso disparava, frio e impassível contra seus colegas, Mateus orava perto do quadro negro, sem ser incomodado, na sala 1801, no primeiro andar do prédio da escola.

“Eu estava em pé e era um dos mais nervosos. Pedi para ele não me matar, e ele disse: ‘Fica tranqüilo que não vou te matar.’ E não atirou em mim”, contou o menino.

Uma possível explicação, acredita Mateus, é o fato de que ele ficou o tempo todo orando. Fiel da Igreja Assembleia de Deus, o menino atribui a uma força superior o fato de ter saído vivo do ataque. “Deus me protegeu.”
O atirador andava calmamente pela sala, disparando contra as crianças, principalmente na cabeça e no tórax.

De acordo com a Polícia Militar, Wellington invadiu a instituição de ensino por volta das 8h e disparou contra alunos. A direção da escola informou que o homem – que era um ex-aluno – se passou por um palestrante para entrar na instituição de ensino. Ao chegar ao local, primeiro ele teria procurado uma professora que já tinha lhe dado aula no passado. Como não a encontrou, subiu para o primeiro andar, foi em duas salas do oitavo ano do Ensino Fundamental e efetuou disparos.
Fonte: IG

Site informa que Marta Suplicy tenta dar truque nos evangélicos para aprovar lei autoritária



Recebi do leitor “Thiago” o comentário que segue, reproduzindo um texto do site gay Mix Brasil. Ele faz um comentário em seguida. E eu encerro.

Por Marcelo Cia, Mix Brasil:
A senadora Marta Suplicy, do PT, atual relatora do PLC 122 – a lei que pretende criminalizar a homofobia no Brasil – fez uma alteração substancial no texto que tramita no Senado Federal. Na prática, a alteração permite que pregações em templos e igrejas condenem a homossexualidade.

É a forma encontrada pela Senadora e seus assessores para que o texto do PLC 122 passe pela barricada formada pelos parlamentares evangélicos. Agora o projeto deixa claro que a lei não se aplicará a templos religiosos, pregações ou quaisquer outros itens ligados a fé, desde que não incitem a violência.

O novo parágrafo diz: “O disposto no capítulo deste artigo não se aplica à manifestação pacífica de pensamento fundada na liberdade de consciência e de crença de que trata o inciso 6° do artigo 5° (da Constituição)”.

A liberdade de pregação e culto contra a homossexualidade, preservada pelo novo texto, não inclui as mídias eletrônicas. Isto é: continua vetado (sic), sob pena de multa, textos, vídeos e falas que condenem a homossexualidade publicados em sites ou transmitidos pela TV.

Thiago comenta
Quer dizer que, agora, a liberdade de expressão e de consciência tem local e meio para existir? Fora daí, não pode? Se o pastor lá faz uma pregação, no âmbito do culto, contra a homossexualidade, pode? E se ele pegar a gravação da mesma fala, transcrever e publicar no blog pessoal dele – não o da igreja? Cana?

É o Ocidente aprendendo com o Afeganistão…

Eu Comento
Thiago, não consegui saber se procede a informação de que Marta fez mesmo o que informa o site Mix Brasil. Se for assim, parece restar evidente que ela tem um novo orientador moral para assuntos de mídia: o Mulá Omar, chefe espiritual do Taliban. O que vai acima é tão estúpido que sou tentado a duvidar que ela tenha tido tal ousadia. Mas você sabe…

Até parece que a agressão à liberdade de culto, dentro das igrejas (!), é a única violência constitucional contida na PL 122. É só uma delas. Terá mesmo “A Loura”, como o chama seu companheiro Netinho de Paula, tido a ousadia de estabelecer os locais em que vigora a liberdade de expressão?

Vamos ver se conseguimos saber isso hoje. O PL 122 é um coquetel de inconstitucionalidades, do começo ao fim. Se essa foi a alternação que Marta fez, deu apenas uma maquiada no texto para ver se engana os evangélicos.

Por Reinaldo Azevedo

Tags: homossexualismo, Marta Suplicy, PLC 122
li este comentario no blog noticias crista e resouvi postar pois achei util ao povo de Deus,

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Assessor da presidência critica Igreja Católica



O ex-deputado sandinista e assessor do presidente da República, Bayardo Arce Castaño, lançou duras críticas à igreja Católica em programa de TV no canal 12, na terça-feira.
"Supõe-se que a igreja deveria ser imparcial, mas usa a batina querendo manipular a população em temas políticos. Isso a vem debilitando. Por um lado, a politização e, pelo outro, toda a pederastia em que têm estado metidos", comentou Arce. Ele agregou: "Apoio aos evangélicos porque os considero transparentes, casam-se, têm famílias e é um setor que cresce rápido."
Castaño afirmou que apóia as obras sociais de muitos sacerdotes católicos, "mas não posso entregar recursos para a política. A Igreja Católica ataca, gratuitamente, o governo. Desgraçadamente, na Igreja Católica há muita gente politizada e comprometida com partidos, como é o caso do Partido Liberal Constitucionalista”.
Arce disse que o presidente Ortega é um católico praticante que conduz, diretamente, a política com a Igreja Católica. Um dos maiores críticos ao governo Ortega é o bispo Abelardo Matta. Ele assinalou, reportando-se à recente marcha de oposição contra a administração federal, que a polícia cai em descrédito porque só obedece ordens do governo. “O
povo tem o direito de manifestar-se e ganhar espaço nas ruas pela democracia.”
O deputado sandinista José Figueroa frisou que os protestos das organizações civis e dos partidos da oposição, que se manifestaram no dia 2 de abril, violaram as leis constitucionais quando militantes agrediram 18 polícias.

Notícias Cristãs com informações da ALC

Senadora Marta Suplicy faz alteração na PL 122 “para agradar religiosos” e desagradar cristãos que usam a internet


A Senadora Marta Suplicy anunciou que fez uma mudança no texto da PLC 122, antiga PL122 também conhecida como Lei Anti-Homofobia. A divulgação foi feita durante o programa Cidadania da TV Senado no dia 28 de Março, onde fez um discurso pró-gay.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A alteração foi a inserção de um parágrafo que protege templos religiosos. Segundo o novo texto, agora o projeto deixa claro que a lei não se aplicará a templos religiosos, pregações ou quaisquer outros itens ligados a fé, desde que não incitem a violência: “Eu tenho também que proteger essa liberdade deles de poderem falar dentro de um templo”, afirma a Senadora. O novo texto agora inclui o parágrafo: “O disposto no caput deste artigo não se aplica à manifestação pacífica de pensamento fundada na liberdade de consciência e de crença de que trata o inciso 6° do artigo 5° (da Constituição)”.

Porém, o novo texto, segundo a própria Senadora, exclui a mídia eletrônica dessa “liberdade de consciência”: “tomei o cuidado de que em mídia eletrônica não pode fazer isso. Mas, dentro de um templo, se não incitar a violência, for alguma pregação religiosa, de culto, de dogma, de fé…”, afirmou. Nesses termos, com o texto aprovado, portais gospel, sites de igrejas, pregações de pastores postadas em blogs ou páginas na internet que discordarem da prática homossexual podem ser criminalizados pela lei como homofóbicos e seus respectivos autores presos por até 3 anos, além de obrigados a pagar multa.

Segundo Marta Suplicy a alteração seria benéfica e poderia retirar os argumentos contra a lei para assim conseguir votos para aprova-la.

Fonte: Gospel+

Senador evangélico Magno Malta quer prisão perpétua para pedófilos


Em pronunciamento em Plenário nesta terça-feira (5), o senador Magno Malta (PR-ES) defendeu mudanças na Constituição e no Código Penal. Entre as alterações sugeridas estão a possibilidade de prisão perpétua para condenados por crimes contra a liberdade sexual de crianças e adolescentes e a obrigatoriedade do teste do bafômetro.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A Constituição proíbe a aplicação de penas de caráter perpétuo e inclui tal disposição entre as chamadas cláusulas pétreas, que não podem ser abolidas por meio de emendas. Apenas uma Assembleia Nacional Constituinte poderia mudar a regra. No entanto, há quem entenda ser possível mudar as cláusulas pétreas por meio de plebiscito seguido de emenda, como sugere o senador. Magno Malta informou que levará a questão à Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

Outra alteração proposta pelo senador na legislação brasileira é a obrigatoriedade do teste do bafômetro. Atualmente, o motorista não é obrigado a realizar o teste porque a lei lhe garante o direito de não produzir prova contra si.

- As pessoas matam bêbadas no trânsito e infelizmente não são obrigadas nem a fazer o bafômetro. O outro é obrigado a conviver com um tubo na garganta, tetraplégico, em uma cadeira de rodas, usando fraldas, com a família tomando conta. Esse não tem direito a nada, atropelado por um bêbado. Mas o bêbado tem direitos: ele não faz nem o bafômetro.

Para o senador, tanto o Código Penal quanto o Código de Processo Penal “estão a serviço do crime, e não da sociedade brasileira”.

Atletas e bebidas
Magno Malta quer também que vídeos gravados em sistema de monitoramento eletrônico sirvam como flagrante e que atletas de renome sejam impedidos de fazer propaganda de bebida alcoólica.

- Estou entrando com um projeto de lei que proíbe o atleta que chega à seleção brasileira de se tornar garoto-propaganda de bebida alcoólica. Nós não podemos permitir que alguém que se torna uma referência nacional e destrua a vida de uma criança, ajude em uma má formação ­- defendeu.

Fonte: Agência Senado

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Terry Jones, Pastor que queimou Alcorão, afirma que fiéis de sua igreja agora andam armados


O pastor americano Terry Jones não imaginava que sua atitude durante um culto de “julgamento” traria uma revolta tão grande entre os afegãos e apesar de ficar comovido com a morte de 21 pessoas, durante as rebeliões dos mulçumanos nesse final de semana, ele não se sente culpado.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Para ele o julgamento do Alcorão e o ato de queimar um exemplar não deveriam causar tanta revolta assim. “Será que nossa ação os provocou?” perguntou o pastor. “Claro que sim. É uma provocação que pode ser justificada? É uma provocação que deve levar à morte? Quando advogados me provocam, quando bancos me provocam, quando repórteres me provocam eu não posso matá-los. Isso não funciona assim,” disse.

Sua igreja agora está vazia e seus seguidores andam armados (eles têm licenças, segundo ele), mas mesmo assim, Jones diz que faria tudo novamente porque só queria causar comoção. “Eu queria causar comoção. Se não balançamos o barco, todo mundo permanece complacente”, disse Jones em uma entrevista em seu escritório na Dove World Outreach Center. “Emocionalmente, não é fácil. As pessoas tentaram nos responsabilizar por aqueles que morreram. Isso é injusto e prejudicial”.

Protestos recomeçaram por julgamento de Terry Jones
Novos protestos ocorreram hoje na capital afegã, Cabul, por causa da queima de um exemplar do Alcorão por um pastor dos Estados Unidos. As manifestações contra esse ato estão em seu quinto dia no Afeganistão. Centenas de pessoas se reuniram na Universidade de Cabul gritando “morte à América” e “nós queremos que quem queimou o Corão seja julgado”.

Os protestos anteriores deixaram 24 mortos, incluindo sete funcionários da Organização das Nações Unidas (ONU).

Um porta-voz do Ministério do Interior confirmou o início do protesto, liderado por estudantes da universidade. “Ele é pacífico e está sob controle no momento”, disse o porta-voz.

A segurança foi reforçada, para impedir que os estudantes deixassem o campus no protesto. Ruas que levam à universidade foram bloqueadas.

A queima do Alcorão foi realizada pelo pastor evangélico Terry Jones, em uma congregação da Flórida.

Os protestos começaram na sexta-feira em Mazar-i-Sharif, quando um escritório da ONU foi atacado e os empregados foram mortos. Cinco manifestantes afegãos também morreram em confrontos com a polícia.

Doze outras pessoas morreram em dois dias de violentos protestos em Kandahar, no sul afegão. O presidente Hamid Karzai ordenou uma investigação das manifestações. A religião é um tema delicado no conservador Afeganistão, onde tropas internacionais comandadas pelos EUA enfrentam a insurgência liderada pelo Taleban.
fonte gospel+

Family Radio: Grupo evangélico anuncia fim do mundo para 21 de Maio



Um novo alerta apocalíptico chegou ao País com um aviso: o fim pode estar mais próximo do que se imagina. Um grupo cristão dos Estados Unidos, com representantes em Belo Horizonte, está rodando o Brasil para divulgar a tese de que o juízo final está marcado para 21 de maio – e não para 2012, segundo a popular profecia feita pelos maias.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Com propagandas até nas traseiras de ônibus, evangélicos da Family Radio fazem malabarismo com números e datas da Bíblia para garantir que há provas de que o mundo vai acabar nos próximos meses. No Rio, um grupo vestido de branco circulou pelas ruas do centro com placas que alertavam para o fim do mundo. Há semanas, ônibus regulares circulam com os enigmáticos dizeres “21/05/2011: Deus vai trazer o dia do julgamento”.

A previsão bíblica foi interpretada pelo americano Harold Camping, responsável pela Family Radio, que tenta emplacar um apocalipse pela segunda vez em sua carreira de profeta. Nos anos 1990, ele publicou um livro em que dizia haver “alta probabilidade” de Cristo voltar à Terra em 6 de setembro de 1994 para julgar os homens. Um grupo se reuniu em uma cidade da Califórnia para esperar o evento.

A sede brasileira da Family Radio fica no bairro de Nova Gameleira, em Belo Horizonte, tendo como atividade principal a divulgação da tese do fim do mundo. Um site em português explica passo a passo a matemática feita por Camping: o juízo final começaria 7 mil anos depois do grande dilúvio, que teria acontecido em 4990 a.C.

Criticado por cristãos americanos, o grupo já foi chamado de seita e Camping acusado de ser “falso profeta”. A sede brasileira da Family Radio não respondeu aos e-mails enviados pelo Estado na manhã de ontem.

Fonte: Estadão e gospel +
meditaçao, mateus 24 v 36 Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai.

terça-feira, 5 de abril de 2011

Famosos ateus se rendem e elogiam a importância de uma versão da Bíblia



O ateu Christopher Hitchens fez uma homenagem à Bíblia King James, oferecendo raros elogios a um livro que contém a Palavra de Deus.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Hitchens é o segundo ateu, depois de Richard Dawkins, a enaltecer a Bíblia King James em homenagem aos 400 º aniversário da tradução.

O ateu proeminente reconheceu e expressou sua apreciação pela contribuição à literatura Inglesa.

“Ainda às vezes eu relute em admití-la, há realmente algo “atemporal” na síntese Tyndale / King James,” disse Hitchens em seu comentário destacado na revista Vanity Fair. “Por gerações, essa versão proporcionou uma fonte comum de referências e alusões, somente rivalizada por Shakespeare, a este respeito.”

“Ressoou na mente e memórias de pessoas alfabetizadas, bem como de quem aprendeu apenas ouvindo.”

O autor Inglês-americano de 61 anos de idade é um ateu convicto que muitas vezes debate com os Cristãos sobre a existência de Deus. Ele argumenta que “a religião envenena tudo” em seu livro “God is not Great” (Deus não é grande) e tem repetidamente afirmado que não se converteria mesmo no leito de morte. Hitchens está atualmente lutando contra um câncer de esôfago estágio 4.

Ainda assim, ele se enterneceu quando honrou a Bíblia King James, que foi publicada pela primeira vez em 1611.

Mas o autor do best-seller foi além ao criticar as outras traduções da Bíblia e as tentativas em curso para atualizá-la.

Oferecendo uma comparação, Hitchens citou uma passagem do livro do Novo Testamento de Filipenses, que ele leu no funeral de seu pai:

“Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisto pensai.” (Versão do King James)

A mesma passagem na Versão do Inglês Contemporâneo: “Finalmente, meus amigos, mantenha sua mente no que é verdadeiro, puro, certo, santo, amigável e adequado. Nunca pare de pensar sobre o que é verdadeiramente excelente e digno de louvor.”

Hitchens chamou a versão contemporânea “panqueca plana” e mais adequada para “uma reunião de porão do AA.”

“Estas palavras não podiam esperar para penetrar na neblina, entorpecida resistente na mente de um garoto de 16 anos, como seu original penetrou em mim,” disse ele em seu comentário.

Ele também rejeitou a linguagem de gênero neutro da substituição de “irmãos” com “meus amigos,” chamando-a de “reverência pouco insinuante.”

“Ao sugerir que São Paulo, de todas as pessoas, foi o gênero neutro ao reescrever a história, assim ao lavar a prosa,” observou Hitchens.

O debate sobre o uso da linguagem de gênero neutro foi revivido entre os Cristãos com o recente lançamento da atualização da Nova Versão Internacional. A primeira atualização para o NVI popular em 25 anos, a versão atualizada, divulgada no mês passado, inclui generos singulares e plurais inespecíficos como “essa pessoa” e “eles” no lugar de singulares masculinos, como “dele” ou “ele.”

Em meio a numerosas traduções da Bíblia e Escritura personalizada, Hitchens lamentou o eclipse gradual da Bíblia King James.

“A cultura que não possui esta reserva comum de imagem e da alegoria será uma perigosamente minguada. Buscar incansavelmente atualizá-la ou torná-la “relevante” é perder o foco, como almejar por um Shakespeare de hip-hop,” escreveu. “‘O homem nasce para a tribulação, como as faíscas voam para cima,” diz o livro de Jó. Quer tentar melhorar isso para o Twitter?”

No final, nota de louvor de Hitchens para a Bíblia King James foi breve e terminou com sua crença inabalável de que “a religião é criação do homem, com impressões digitais humanas em todos os seus textos supostamente inspirados e inalteráveís.”
http://noticias.gospelmais.com.br/famosos-ateus-se-rendem-e-elogiam-a-importancia-de-uma-versao-da-biblia.html

sábado, 2 de abril de 2011

Família rasga dinheiro e documentos, segue pastores para encontrar com Jesus em pessoa em São Paulo e desaparece


No dia 13, domingo, doze pessoas (número dos apóstolos) se reuniram na casa de Pedro, em Diadema, na Grande São Paulo, para “última ceia”, conforme afirmaram. Eles leram a Bíblia, escreveram recados para parentes, rasgaram dinheiro e documentos (CPF seria o número da besta) e quebraram instrumentos do demônio, como computador e televisor, preparando-se para o dia seguinte.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
O pregador Roberto Carlos da Silva, com base em um calendário hebraico, calculou que Jesus voltaria à Terra por volta das 14h do dia seguinte e os levaria para o Pai, provavelmente em algum lugar da rodovia Fernão Dias. Seria o dia do arrebatamento, previsto na Bíblia.

Desde então o vendedor Pedro, sua mulher Antônia, seu irmão José Carlos e os filhos Henrique, 22, e Thais, 18, estavam desaparecidos. Eles haviam saído só com a roupa do corpo com a convicção de que um anjo os abordaria anunciando a chegada de Jesus.

Valcilene Dias, mulher de José Carlos, e os filhos do casal (a adolescente Carla e os meninos Rubens e Moisés) também saíram para o encontro com Jesus, mas voltaram quando sentiram sede e fome. Rubens, que participou da “ceia”, disse que o seu primo Henrique estava esquisito, porque dizia que “amanhã a gente vai para a glória”. “Eles estavam levando aquilo muito a sério”, disse Valcilene.

Antônia deixou um emprego em uma empresa onde estava havia 14 anos. Seu filho Henrique terminou a faculdade no ano passado, tinha emprego e era noivo. Thais também abandonou o emprego.

Patrícia Gomes Carvalho, filha de Antônia e enteada de Pedro, foi a primeira a notar o desaparecimento do casal e filhos. Ela mora com marido e dois filhos pequenos em uma casa vizinha à da família de religiosos.

Patrícia e outros vizinhos contaram que Pedro tinha mudado abruptamente de comportamento, influenciando toda a família. “Eles só falavam sobre o fim dos tempos e da volta de Jesus”, disse Patrícia.

Os vizinhos apontaram três pregadores que se revezavam na Praça da Sé, em São Paulo, como os responsáveis pelo fanatismo religioso da família. O líder deles, Roberto Carlos da Silva, é dono de uma pequena gráfica, ele deixou mulher, três filhos e dívidas.

Família encontrada 400 km depois

A família foi localizada neste domingo em Ourinhos (SP), a cerca de 400 km da cidade onde moram, Diadema, na Grande São Paulo. O casal Pedro e Antônio e os filhos Henrique e Thais foram reconhecidos por funcionários de um albergue. Eles passaram o fim de semana ali. Não há informação sobre os três pregadores.

Patrícia Gomes Carvalho, filha de Antônia e enteada de Pedro, ao manifestar alívio com a localização da família, lamentou os transtornos causados por “falsos profetas”. Ela agradeceu o apoio das pessoas que distribuíram em Diadema cartazes de “procura-se” e de comunidades criadas no Orkut.

A assistência social Márcia Moraes disse que a família está bem. De acordo com ela, Pedro afirmou que eles estavam cumprindo os desígnios da Bíblia.

Fonte: Gospel+

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Cristãos paquistaneses sofrem após pastor queimar Alcorão nos EUA

Igrejas são atacadas e cristãos assassinados em represália


O polemico pastor Terry Jones causou uma crise diplomática no ano passado com seus planos de queimar um Alcorão em sua igreja no aniversário do atentado de 11 de setembro.

Após os protestos de líderes políticos e religiosos em todo o mundo, o pastor desistiu no último minuto e prometeu que não iria mais queimar o livro.

No entanto, o Terry Jones realizou uma simulação de julgamento com sentença de “execução” de um Corão em sua pequena igreja, em Gainesville, Flórida, no mês passado. O Corão foi julgado "culpado" e incendiado por membros da igreja do pastor Wayne Sapp, sob supervisão de Jones.

O ato gerou protestos por muçulmanos no Paquistão, em que eles queimaram a bandeira americana e gritaram slogans contra os EUA.

Na semana passada, uma igreja no Paquistão, em Wah Cantt, foi atacada por um grupo de muçulmanos que tentaram quebrar a porta da frente e atearam fogo no edifício, depois fugiram do local, segundo Spero News.

O pastor da igreja, Yousaf, disse: "Esta é uma reação à ‘profanação’ do Corão que aconteceu na Flórida. Embora a Igreja ter condenado oficialmente o incidente, e também termos exibido um banner fora da igreja condenando o incidente, ainda assim as pessoas inocentes estão enfrentando as consequências."

Wah Cantt é localizada perto de uma fábrica de munição que fica dentro de uma área com forte presença militar e barreiras nos pontos de entrada.

O ataque levantou dúvidas sobre a segurança dos cristãos no Paquistão, que estão temendo por suas vidas após os recentes assassinatos de Punjab, o governador Salman Taseer e ministro das Minorias Shahbaz Bhatti.

Taseer foi morto por seu próprio guarda-costas, fazendo com que muitos cristãos no Paquistão questionassem a integridade da polícia.

Segundo Spero News, igrejas na área de Wah Cantt foram aconselhadas pela polícia a instalar câmeras de segurança e contratar seguranças cristãos.

O Bispo de Islamabad e Rawalpindi, Rufin Anthony, pediu à polícia que prendam os agressores.

"Condenamos o ataque. Tínhamos condenado oficialmente a atitude de Terry Jones na Flórida. Somos cristãos paquistaneses, e não americanos ", disse ele.

Nasir Saeed, o coordenador do Centro de Assistência Jurídica de Resolução no Reino Unido, uma instituição de caridade que presta apoio jurídico gratuito para os cristãos no Paquistão, concordou que o ataque na igreja foi uma conseqüência direta das ações de Terry Jones.

"Todas as ações do Ocidente que são contra o Islã - ou mesmo interpretadas dessa forma - inevitavelmente levam as pessoas inocentes a pagarem as piores conseqüências possíveis, especialmente os cristãos, que vivem em países de maioria muçulmana", disse ele.

"Tememos que esse sentimento de vingança para com os cristãos no Paquistão possa agora aumentar e levar à mortes e destruição de nossos lugares de culto", desabafa.

Ele conclamou o governo paquistanês a tomar medidas para parar a matança de cristãos e os ataques a suas igrejas.

"Instamos o governo do Paquistão a tomar as medidas adequadas e assegurar que as igrejas e outros lugares de culto estejam protegidos", diz.

Esta já é a segunda igreja a ser atacada em questão de semanas. Dois cristãos foram mortos no mês passado quando um grupo de jovens muçulmanos abriram fogo contra uma congregação durante uma reunião de oração em uma igreja do Exército de Salvação, em Hoor Camp.

As vítimas foram um pai de quatro crianças, de 47 anos de idade, e um jovem recém-casado de 21 anos.


Fonte: Christian Today / Redação CPAD News

Juiz absolve evangelista preso em Bangladesh

Advogado alegou em sua defesa que suas atividades religiosas estavam protegidas pela Constituição


O evangelista Biplob Marandi, 25 anos, tinha sido condenado a um ano de prisão por vender e distribuir literatura cristã perto de um grande encontro de muçulmanos no norte de Bangladesh.

“Depois de analisar uma apelação do advogado de defesa, o magistrado do tribunal de distrito Gazipur cancelou a acusação contra o cristão e ordenou que ele fosse libertado”, afirma o advogado Lensen swapon Gomes disse ao Compass.

"Estou delirando de alegria, e é impossível dizer o quanto estou feliz", diz seu irmão, Sailence Marandi, pastor da Igreja Internacional do Nazareno no distrito de Thakurgaon. "Agradeço também a todos aqueles que oraram para liberdade do meu irmão".

Após a transformação da burocracia para a liberação de Marandi, as autoridades eram aguardadas para libertá-lo até o final desta semana, de acordo com seu advogado.

O pastor disse que seu irmão não teve a oportunidade de se defender no julgamento original. "Meu irmão é um homem inocente, e sua libertação revelou a vitória da verdade", diz Sailence.

O advogado de Marandi alegou em sua defesa que suas atividades religiosas estavam protegidas pelas disposições da Constituição a liberdade religiosa do país. A Constituição de Bangladesh prevê o direito de propagar sua religião, mas as autoridades e as comunidades, muitas vezes se opuseram a essa lei para converter as pessoas do islamismo, segundo o Departamento dos EUA de Internacional do Estado relatório Liberdade Religiosa 2010.

Bangladesh é a terceira nação de maioria muçulmana. Os muçulmanos compõem 89% da sua população de 164,4 milhões, os cristãos são menos de 1% do total, e os hindus de 9%.

Entenda o caso


Fonte: Charisma News / Redação CPAD News

Cristãos do Nepal farão greve de fome por seus direitos

Uma greve de fome em Katmandu pelos cristãos para forçar o governo a dar-lhes túmulos entrou no seu sexto dia de hoje, com o governo ainda para responder às suas exigências.
Dezenas de cristãos, homens e mulheres, continuam a ficar sem comida ou água em uma base de revezamento e estão orando e cantando hinos em torno de um caixão simbólico vermelho numa tenda central em Katmandu.
Em um comício de ontem, líderes do protesto prometeram continuar a greve de fome até que suas exigências sejam atendidas.
"Nem um único partido político ou grupo civil tenha feito qualquer declaração pública em nosso nome. Continuamos pacíficos em oração, apesar das pessoas ignorarem a nossa presença. Mas, se nada for feito em breve, vamos trazer os nossos corpos mortos e enterrá-los em Tundikhel [um gramado no centro de Katmandu]", disse o Pastor Chari Bahadur Gahatraj, secretário do grupo cristão de consultoria que organizou o protesto.
"Acreditamos que os 2 milhões de cristãos do Nepal estão conosco. Acreditamos que os cerca de 400.000 cristãos em Kathmandu estão conosco", disse ele.
"Como o primeiro-ministro Jhalanath Khanal se sentiria se seu pai morresse e nós disséssemos que ele não poderia cremá-lo, mas atirar o seu corpo no rio Trisuli? Gahatraj disse.
Vários ativistas de direitos também falaram em apoio aos cristãos ontem, incluindo os ex-políticos Daman Nath Dhungana e Padma Ratna Tuladher.
"Eu acho que é o desejo do Senhor que você sofra assim por uma causa justa, por isso o fundamento na obtenção de direitos para si mesmos e os outros serão fortes. Eu acredito que você terá sucesso em suas demandas apenas se você não desistir", disse Dhungana aos manifestantes.
O pastor Sunder Thapa, presidente do Comitê Consultivo para os cristãos para a nova Constituição, disse que o protesto iria crescer e se espalhar pelas ruas se nada for feito após uma semana de jejum.
FONTE Notícias Cristãs