quarta-feira, 11 de abril de 2012

Missionário é ressarcido pela polícia depois de ficar preso por 30 dias

Ele e outras dez pessoas foram presos em outubro de 2011 sendo acusados de integrar um grupo de "cultos"


A polícia de Lhasa, capital do Tibete, aceitou fazer um acordo com o missionário Song Kuanxing que foi preso em 2011 tendo seus pertences pessoais e da igreja apreendidos e alguns até mesmo destruídos.

Assim que ganhou liberdade o cristão processou a polícia e antes da audiência, marcada para a sexta-feira, o Gabinete de Segurança Pública entrou em contato com o advogado do missionário, Zhang Kai, e ofereceu devolver os objetos e ainda pagar uma indenização.

O advogado aceitou o trato e deu o caso por encerrado. O missionário recebeu de volta seus pertences e ainda vai receber 7000 yan (o equivalente a 1.110 dólares) pelas perdas causadas pela ação da polícia.

Kuanxing foi preso em outubro de 2011 sob “suspeita de fazer parte de um grupo de cultos” e ficou 30 dias na prisão. Nesse período ele foi vítima de maus tratos, sendo insultado pelos policiais que também batiam nele blasfemando contra sua fé.

No mesmo dia outras dez pessoas, todas cristãs, também foram presas no Tibete, sendo a primeira vez que o cristianismo é barrado no país, fazendo com que as igrejas da China temessem. A conclusão satisfatória desse caso tem servido como exemplo para processos parecidos e nasce a esperança de que o governo não abuse mais do poder exercendo sua força contra cristãos.

“Boas notícias sobre nossa ação civil em Lhasa, processando a polícia da capital. Hoje a instituição devolveu não somente os itens confiscados de Song como também se comprometeu a pagar uma compensação”, escreveu o advogado.

Zhang Kai acredita que ao reconhecer seu erro a Segurança Pública de Lhasa está dando um grande exemplo para outros departamentos do Tibete e da China. “Todo o sistema de Segurança Pública do país precisa aprender com Lhasa. Esta maneira de resolver o problema está em conformidade com a lei e com a política do partido”, disse ele.

Traduzido e adaptado de Christian News Wire


Fonte: http://noticias.gospelprime.com.br/missionario-e-ressarcido-pela-policia-depois-de-ficar-preso-por-30-dias/#ixzz1rjMoAf27

Nenhum comentário:

Postar um comentário