sexta-feira, 11 de maio de 2012

Marta Suplicy transforma audiência pública em evento pró-PL122 no Senado e cancela participação do pastor Silas Malafaia

A audiência pública que seria realizada para discutir o PL 122 no Senado, no próximo dia 15/05, foi cancelada a pedido da senadora Marta Suplicy, que está promovendo um seminário a favor do projeto, intitulado “Diferentes, mas iguais”.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Entre os participantes, estão o senador Paulo Paim (PT-RS), Toni Reis (presidente da ABGLT) e Keyla Simpson (presidente do Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais -CNCD/LGBT). O evento acontece na véspera da 3ª Marcha Nacional contra a Homofobia, que também será realizada em Brasília.

O pastor Silas Malafaia, que estava entre os convocados para o debate, publicou a informação através de seu Twitter pessoal. Não há informações sobre uma possível nova data para que o debate em torno do projeto de lei aconteça.



Entre os participantes que já haviam confirmado presença na audiência pública, além do pastor Silas Malafaia, estavam o deputado federal Jean Wyllys, e demais parlamentares participantes da CDH, como o senador Magno Malta.

Nessa reunião, seria discutido os termos do novo texto para o projeto, escrito por militantes homossexuais a pedido de Marta Suplicy, já que a proposta anterior havia sido recusada tanto pelos ativistas gays quanto pela bancada evangélica. A ideia do novo texto é aproximar da proposta inicial feita pela deputada Iara Bernardi. No seminário promovido pela senadora Marta Suplicy, o texto do projeto escrito pelos ativistas será entregue aos senadores, mas ainda não será debatido pela Comissão de Direitos Humanos.

Em seu último programa Vitória em Cristo, ao anunciar que processaria ativistas gays por chamá-lo de homofóbico, o pastor Silas Malafaia afirmou que gostaria de “ver a cara” deles na audiência pública no Senado.

Segundo informações no site do Senado, Marta Suplicy afirmou esperar que as manifestações dos ativistas gays durante o seminário pró-PLC 122 sensibilizem os parlamentares e facilite a aprovação da lei no Congresso.

Publicado por Tiago Chagas

Fonte: Gospel+


Nenhum comentário:

Postar um comentário