sexta-feira, 22 de junho de 2012

Pesquisa revela que medo do inferno influencia na redução de crimes


Pesquisa revela que medo do inferno influencia na redução de crimesUma pesquisa feita por estudiosos norte-americanos afirma que as pessoas que acreditam no inferno são menos propensas a praticar crimes.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Segundo o levantamento, as sociedades que creem em Deus, ou tem sua religião baseada na crença de que atos maus levam ao inferno, possuem taxas de criminalidade menores que as sociedades que veem Deus como um ser bondoso e misercordioso.


O estudo foi realizado pela Universidade de Oregon (EUA), sob responsabilidade do professor Azim Shariff, de acordo com informações do HypeScience.

O professor participou de um estudo sobre comportamento em 2011, denominado “Different Views of God Predict Cheating Behavior” (em tradução livre, “Deuses maus geram pessoas boas: diferentes visões sobre Deus ajudam a prever comportamento e trapaças”), que constatou uma forte relação de crença e honestidade.

O relatório do estudo apontou que universitários que acreditam em Deus como um ser punitivo eram propensos a trapacear menos e serem mais honestos por medo das consequências.

A partir daí o professor Shariff passou a produzir um novo estudo, analisando dados de 143.197 pessoas de 67 países, coletados durante 26 anos, e chegou à conclusão de que é importante observar a forma como as pessoas exercem sua fé, para entender os reflexos dessa prática em sua sociedade.

Porém, os pesquisadores frisaram que apesar de os dados e a comparação entre fé em Deus e criminalidade sejam precisos, as análises precisam ser feitas considerando diversas hipóteses, e que portanto, as conclusões não podem ser precipitadas.

Publicado por Tiago Chagas

Fonte: Gospel+


Nenhum comentário:

Postar um comentário