quinta-feira, 15 de maio de 2014

O FERREIRO! REFLEXÃO MUITO LINDA, VALE APENA CONFERIR, EU CHOREI.



" O ferreiro "

Era uma vez um ferreiro que, após uma juventude cheia de excessos, resolveu entregar sua alma a Deus.

Durante muitos anos trabalhou com afinidade, praticou a caridade, mas, apesar de toda sua dedicação, nada parecia dar certo na sua vida.

Muito pelo contrário: seus problemas e dívidas acumulavam-se cada vez mais.
Uma bela tarde, um amigo que o visitara e que se compadecia de sua situação difícil comentou:

"É realmente estranho que, justamente depois que você resolveu se tornar um homem temente a Deus, sua vida começou a piorar.

Eu não desejo enfraquecer sua fé, mas apesar de toda a sua crença no mundo espiritual, nada tem melhorado .

O ferreiro não respondeu imediatamente.

Ele já havia pensado nisso muitas vezes, sem entender o que acontecia em sua vida.

Entretanto, como não queria deixar o amigo sem resposta, começou a falar e terminou encontrando a explicação que procurava.

Eis o que disse o ferreiro:

Eu recebo nesta oficina o aço ainda não trabalhado e preciso transformá-lo em espadas.

Você sabe como isto é feito?

Primeiro eu aqueço a chapa de aço num calor infernal, até que fique vermelha.

Em seguida, sem qualquer piedade, eu pego o martelo mais pesado e aplico golpes até que a peça adquira a forma desejada.

Logo, ela é mergulhada num balde de água fria e a oficina inteira se enche com o barulho do vapor, enquanto a peça estala e grita por causa da súbita mudança de temperatura.

Tenho que repetir esse processo até conseguir a espada perfeita, uma vez apenas não é suficiente .

O ferreiro deu uma longa pausa, bebeu uma agua e continuou:

As vezes, o aço que chega até minhas mãos não consegue agüentar esse tratamento.

O calor, as marteladas e a água fria terminam por enchê-lo de rachaduras.

E eu sei que jamais se transformará numa boa lâmina de espada.

Então, eu simplesmente o coloco no monte de ferro-velho que você viu na entrada de minha ferraria.

Mais uma pausa e o ferreiro concluiu:

Sei que Deus está me colocando no fogo das aflições.

Tenho aceito as marteladas que a vida me dá, e às vezes sinto-me tão frio e insensível como a água que faz sofrer o aço.

Mas a única coisa que peço é:

"Meu Deus, não desista, até que eu consiga tomar a forma que o Senhor espera de mim.

Tente da maneira que achar melhor, pelo tempo que quiser , mas jamais me coloque no monte de ferro-velho das almas" .
Seja você também receptível as marteladas e provações desta viva para viver melhor no futuro.

jornal-da-assembleia.

Pb Donizeti (Um servo do Senhor Jesus a serviço do reino de Deus)

http://jornal-da-assembleia.blogspot.com.br/2012/10/o-ferreiro.html

6 comentários:

  1. Simplesmente show, amigo Antônio. Aí está a explicação para muitas pessoas que até cometem blasfema por orar, orar e os problemas continuarem... muito bom. Não sabemos de nada - Deus consegue transformar tudo. É isso. Valeu meu mano abençoado - que o Espírito Santo blinde você de todo o mal para brilhe ainda mais na missão de pescar almas, evangelizar e elevar o progresso ao Pai. Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado meu mano Ródrio, palavras que nos chega na hora certa, abs.

      Excluir
  2. Já padeci muito ao longo desses meus
    45 anos de vida...

    Quantas vezes de joelhos até mesmo no meio
    da rua já clamei em lágrimas, ao Pai para
    Ele responder-me o porque daquilo tudo a qual
    passava!

    A medida que o tempo foi passando,fui aprendendo
    serenamente a ser grata por tudo em absoluto,por uma
    unica razão que para mim tem toda lógica,fomos feitos
    com e por amor e existimos nessa vida através da misericórdia

    Que por mais pensemos saber d'alguma coisa,de nada sabemos.

    E que Deus sabe perfeitamente bem o que faz,até mesmo
    quando PERMITE que a desgraça nos atinja,que feridas
    dilacerem nossa alma,nossa carne.

    Aos olhos do mundo onde tudo é superficial,a impressão
    é que somos guiados por um Ser maldoso e indiferente,mas
    é uma pena tal pensamento.

    Pois Deus é de facto AMOR.

    Só crescemos com o amadurecimento que vem das experiências
    e são essas experiências que fazem a grande diferença do que
    somos.

    Sou grata por cada lágrima,cada momento de dor, por
    cada perca, pela solidão,o medo...

    Pela incompreensão.

    Até mesmo pela perseguição, pois só assim aprendi
    a compreender quem por isso passou e passa e ganhei
    de Deus seus olhos e seu coração, para amar, para ser
    paciente, para ter prazer em doar,repartir,para ser e
    estar presente, para olhar além do meu umbigo e sobretudo
    aprendi a saber e ter compaixão.

    Sabes Pastor Antonio?

    Bem aventurados aqueles que são escolhidos
    para serem moldados pelas mãos de Deus...

    Sou feliz por essa graça,que venha o fogo,
    as marteladas, a água fria, tal qual o bom
    ferreiro, só peço que alcance eu a estatura
    do que Ele sonhou para mim em Seu coração.

    Grata por esse momento,senti-me de facto
    estar congregando.

    Em vós meu abraço.

    Ps: Na segunda feira próxima estarei
    partindo... Conto com vossas orações
    e desde já que sejam abençoados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha mana Ronilda David/Loubah Sofia que Deus te abençoe grande mente e obrigado, por ser esta pessoa maravilhosa, que sempre nos incentiva, paz seja com você.

      Excluir
  3. Oi, Antônio!
    Pense numa lição de vida maravilhosa para a nossa vida espiritual.
    Eu também já passei por muitas situações difíceis, de até o "meu melhor amigo" me trair pelas as costas. Passar dificuldades emocionais com a família.
    O pior de todos, ser traído pelos os próprios irmãos da fé.
    Mas mesmo assim eu estou de pé.
    Eu sou mais que vencedor.
    Fique com Deus, abençoado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Cirero Jodecir, obrigado por vosso comentario

      Excluir