sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Polícia prende suspeito pela morte do casal carbonizado no 5º Distrito

Polícia prende suspeito pela morte do casal carbonizado no 5º Distrito
Foto: Arquivo pessoal
Casal foi encontrado dentro de um Gol próximo ao CTG Sentinela da Armada, na véspera de Natal
Foi preso na manhã desta sexta-feira (4) o principal suspeito pela morte do casal Renato Ehlert e Jaqueline Beier Ehlert, encontrados carbonizados no interior de Canguçu no dia 24 de dezembro.
A Polícia apreendeu na casa deFernando Ehlert, 46 anos, irmão de Renato, duas armas de fogo. Ele não possuía autorização para o porte e foi conduzido até a delegacia de Cristal, onde acabou confessando o crime.

A motivação teria sido a disputa pela serralheria do pai. Fernando foi encaminhado para o Presídio Estadual de Camaquã.

Renato e Jaqueline foram encontrados mortos dentro de um Gol em uma estrada próximo ao CTG Sentinela da Armada, no 5º distrito, na véspera do Natal. Um dos corpos estava no porta-malas e o outro no banco traseiro do veículo.
> Veja abaixo imagens do carro carbonizado:
 
Veja mais imagens:
  
FONTE:
http://www.cangucuonline.com.br/?menu=noticia&categoria=9&noticia=5496

Nenhum comentário:

Postar um comentário