quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Pastor pré-candidato a presidente no Equador promete proibir filmes e shows de rock no país

Pastor pré-candidato a presidente no Equador promete proibir filmes e shows de rock no país
Shows de rock e filmes blockbusters de Hollywood podem se tornar parte do passado no Equador.
O pré-candidato a presidente e pastor evangélico Nelson Zavala prometeu proibir as manifestações culturais ligadas aos temas mencionados acima, numa entrevista ao canal Ecuavisa.
“Qualquer show de rock no nível, por exemplo, deste senhor Marilyn Manson, que destrói a mente dos jovens, os levam à droga e à perdição, e atenta contra a liberdade e o respeito à fé e ao culto, eu proibirei”, declarou o pastor.
Nelson Zavala, que já foi acusado de maus tratos familiares, pretende disputar as próximas eleições pelo Partido Roldosista Equatoriano (PRE), de orientação populista.
Sobre o atual presidente do país, Rafael Correa, Zavala disse que se trata de uma “serpente”, e o acusou de “blasfemar contra Deus” e “mentir constantemente”, segundo informações do G1.
O pastor usou o termo “transtornados” para se referir aos homossexuais, apesar de acreditar que trata-se de uma prática comportamental: “A homossexualidade, como pecado, é uma desgraça para o homem porque perverte sua correta sexualidade. E acho que a homossexualidade é um severo transtorno de conduta, mas não considero uma doença”.
De acordo com as pesquisas prévias, Nelson Zavala não tem nem 1% de intenção de votos.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Vídeo com mendigo interpretando música gospel emociona e faz sucesso nas redes sociais. Assista

Vídeo com mendigo interpretando música gospel emociona e faz sucesso nas redes sociais. Assista
Um vídeo publicado ontem, 30/01, vem fazendo sucesso nas redes sociais por mostrar a interpretação afinadíssima de um mendigo para a música “Um Milagre em Jericó”, de Marcelo Nascimento.
A repercussão foi intensa e hoje, 31/01, o vídeo já ultrapassou a marca de 100 mil visualizações e mais de 470 comentários. A maioria, surpresos pelo talento do mendigo.
A descrição do vídeo não traz muitos detalhes, apenas afirma que o mendigo entrou numa igreja evangélica “e quando o Pastor vai conversar com ele se depara com essa surpresa, um diamante ainda não lapidado”.
O termo “diamante” foi usado devido ao talento do rapaz, que causou emoção à pessoa que o filmou e também às pessoas que assistem ao vídeo.
Como as informações são escassas, muitos internautas usaram o espaço de comentários do Youtube para solicitar maiores informações sobre o mendigo e também para oferecer doações de roupas e calçados.
Confira abaixo, o vídeo do mendigo interpretando “Um milagre em Jericó”:
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Ministério da Saúde publicou cartilha que orienta como fazer aborto com medicamento ilegal; Pastor Marco Feliciano protesta



Ministério da Saúde publicou cartilha que orienta como fazer aborto com medicamento ilegal; Pastor Marco Feliciano protestaUma cartilha pró-aborto, publicada pelo Ministério da Saúde e que ensina um passo a passo para a realização do aborto usando o remédio Misoprostol, foi denunciada pela ONG Brasil Sem Aborto.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica GospelO remédio, mais conhecido pela marca Cyotek, tem a comercialização proibida no Brasil, e na cartilha, não há assinatura ou menção a nenhum responsável técnico, o que descumpre padrões estabelecidos para o setor.
Embora os impressos encomendados pelo Ministério da Saúde sejam voltados a obstetras, a linguagem utilizada no trecho que ensina o método abortivo foge ao padrão técnico comumente usado em documentos médicos.


No ano passado, noticiou-se que o Ministério da Saúde estaria preparando uma cartilha de orientação para mulheres que decidissem abortar. A denúncia de agora reforça a tese levantada anteriormente.

No Twitter, o pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) comentou o caso e lamentou a postura das lideranças evangélicas e também dos fiéis, que pouco protestam em relação ao assunto.

“O silêncio, a apatia, a covardia e o descaso da liderança evangélica brasileira com as questões do Aborto e Gays é vergonhosa. Enquanto fazem cobranças aos parlamentares para que leis não sejam aprovadas, escondem-se atrás de suas portentosas escrivaninhas! Dedicam-se a produzir um raso sermão dominical, ao som da boa música e passivamente gabando-se do seu lindo e gordo e fraco rebanho. Enquanto isso lideres católicos em todo mundo, reagem, manifestam-se contra governos que tendem a desconstruir a família tradicional. Sigamos o exemplo. Cobremos postura de nossos lideres evangélicos. Precisamos mostrar ao governo brasileiro nossa indignação. Protestemos”, convocou Marco Feliciano
twitter marco feliciano
Confira abaixo a íntegra da nota publicada pela ONG Brasil sem Aborto:

Nota do Movimento Nacional da Cidadania pela Vida (Brasil Sem Aborto)
Ministério da Saúde orienta como fazer aborto usando Cytotec
No apagar das luzes de 2012, o Ministério da Saúde mandou imprimir uma cartilha com o título “Protocolo Misoprostol”, com as instruções para o uso desse medicamento abortivo, mais conhecido pela marca Cytotec, cuja comercialização é proibida no Brasil. O responsável pela publicação é o Departamento de Ações Programáticas Estratégicas da Secretaria de Atenção à Saúde e o texto também se encontra disponível na Biblioteca Virtual do Ministério.
Contrariamente ao que é habitual em publicações governamentais, não há, em todo o folheto, nome de qualquer autor ou responsável.

O folheto aparenta destinar-se a público especializado, para a realização do dito “aborto legal” e outros usos. Em sua página 2, explicita: “apresentamos a seguir o Protocolo para Utilização de Misoprostol em Obstetrícia, em linguagem técnica, dirigido a profissionais de saúde em serviços especializados”. Entretanto, alguns aspectos chamam a atenção.

- A 1ª edição tem uma tiragem de 268.108 exemplares, sendo que dados recentes publicados no site da FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) indicamque há no Brasil 22.815 médicos em atividade nessa área. A publicação ultrapassa, portanto, em mais de dez vezes, o número de profissionais aos quais teoricamente se destinaria.

- Contrariamente ao que é habitual em protocolos para atuação médica, o uso de Misoprostol não é comparado a outros medicamentos ou técnicas que seriam possíveis na mesma situação. Por exemplo, indica-se a dose e modo de uso para “indução do parto com feto vivo”, uma utilização não aceita pela FDA (Food and Drug Administration) americana, e para a qual existem alternativas. Os próprios fabricantes do Misoprostol alertaram para o risco de ruptura uterina quando ele é usado como indutor do parto.

- Ao contrário do que se diz na apresentação, a linguagem do folheto, especialmente em sua segunda parte, quando trata do uso, é sintética e direta, facilmente compreensível por público leigo. Praticamente se restringe às doses a serem utilizadas para o“esvaziamento uterino” no primeiro, segundo e terceiro trimestres da gestação.

Assim, mais do que ao médico que precisa tomar decisões de tratamento, o folheto parece dirigir-se a pessoas que já conseguiram ou pretendem conseguir clandestinamente a droga e tem dúvidas sobre como utilizá-la para realizar o aborto. Já em junho de 2012 a mídia brasileira noticiou que o Ministério da Saúde estaria preparando uma cartilha para a mulher que decidisse abortar.

http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2012/06/07/governo-prepara-cartilha-para-mulher-que-decide-abortar.htm
Quando o assunto veio a público, o Ministério da Saúde apressou-se a desmentir que estivesse trabalhando nessa política de “redução de danos”. Entretanto, a publicação desse folheto aponta novamente na mesma direção.

A Dra Lenise Garcia foi pessoalmente protagonista de um curioso fato envolvendo essa negativa do Ministério. Ela foi entrevistada pela TV Brasil, conjuntamente com o Dr. Thomas Gollop, no dia 12/06/2012, em vídeo que pode ser visto aqui:

http://tvbrasil.ebc.com.br/reporterbrasil/video/28470/
No início da entrevista, o Dr. Gollop nega qualquer envolvimento do Ministério da Saúde nessa política de“redução de danos”, pois a cartilha estaria sendo elaborada pelo “grupo de estudos sobre o aborto” da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Entretanto, publicações desse grupo de estudos indicam a sua fonte de financiamentos: “O GEA não é uma organização não-governamental e não tem verbas próprias. Conta com o apoio do Ministério da Saúde e da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência e seu foco é capilarizar a discussão do tema do aborto sob o prisma da Saúde Pública e retirá-lo da esfera do crime”.

(Fonte: http://www.aads.org.br/gea/documentos/GEA_folheto_apresentacao.pdf)
Além disso, a reunião estava marcada para acontecer no prédio do Ministério da Saúde, tanto que, ao ser convidada para a entrevista, a Dra Lenise foi informada de que esta ocorreria, às 8h00, em frente ao Ministério. Na noite anterior, recebeu um telefonema urgente da TV Brasil mudando o local da entrevista para o hotel em que estava hospedado o Dr. Gollop.

Em tempos de transparência, e diante do compromisso assumido na época eleitoral pela nossa presidente Dilma Rousseff de que o Executivo não trabalharia para a implantação do aborto no Brasil, os fatos mostram forte contradição entre as aparências e a realidade.
Brasília, 28 de Janeiro de 2013.

Lenise Garcia, presidente
Jaime Ferreira Lopes, vice-presidente
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Por que tragédia?




Notícias tristes. Na noite de sábado fiquei sabendo de uma mãe que perdeu seu filho de apenas 6 anos, vítima de leucemia. Uma tragédia. Já no domingo as informações sobre as mortes em Santa Maria.

Ouvi de relance alguém dizer que era a vontade de Deus – mas não é bem assim! Segundo a Bíblia a morte não é plano de Deus, muito menos sua vontade. Ela existe por causa do pecado que invadiu a vida humana, tal qual um vírus devastador que invade um corpo sadio (Rm 6.23).

Espiritualmente falando, o mundo vive em pecado e sofre a consequencia. Todos sofrem! A própria natureza sofre!

Jesus jamais prometeu que não passariamos dificuldades nesse mundo. Antes ele disse: "No mundo passais por aflições (Jo 16.33)". Vivemos num mundo carregado de nuvens de pecados. A consequencia disso é que os temporais de dificuldades caem sobre nós, sobre todos: idosos e jovens, justos e injustos.

Jesus contou uma história de dois homens diferentes, um sábio e outro sem juízo, um construiu a casa sobre a rocha e o outro sobre a areia. Veio uma tempestade... segundo a história os ventos e a enchente sobrevieram sobre as duas casas. Isso ao contrário de alguns entuasiasmados pregadores que anunciam uma espécie de corpo fechado que nada sofre – uma grande mentira!

Os discípulos de Jesus sofreram, Jesus sofreu, e nos convida a nos alegrarmos com os que se alegram e a chorar com os que choram! (Rm 12.15)

E é assim, na força da solidariedade, no sorriso da esperança, que continuamos! Em dias ensolarados e em tempestades, na luz das alegrias e nas sombras das tragédias, sempre dizendo: “Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, pois tu estás comigo!” (Sl 23.4)

EVITANDO TRAGÉDIAS

O que fazer para evitar tragédias? Essa tem sido a pergunta analisada e debatida após o incêndio na boate Kiss. Toda iniciativa nesse sentido é benéfica. Porém é interessante observar que normas de segurança já existem – porém não são observadas.

Quanto as tragédias espirituais, igualmente há normas de segurança, mas não são seguidas!

Efetivamente ninguém escapa da morte, pelo menos da primeira morte. Porém Jesus abriu uma porta de salvação, a fim de que não sofressemos a segunda morte – que é a condenação. Ele diz: Eu sou a porta, quem entrar por mim será salvo (Jo 10.9). Ele também diz: Eu sou a ressurreição e a Vida, quem crê em mim, ainda que morra viverá (Jo 11.25).

Por isso, em Jesus podemos escapar dessa tragédia maior. Assim, mesmo em meio a esse vale de lágrimas, por causa de Cristo, podemos olhar para o futuro e vislumbrar um Novo Céu e uma Nova Terra, onde não haverá mais choro, nem dor, nem morte! Essas aflições e tragédias terão passado! (Ap 21.4)
Pastor Ismar Pinz
Comunidade Luterana Cristo Redentor
Três Vendas, Pelotas, RS



[Vídeo] Mãe leva bebê a estúdio e o força a ser tatuado com o 666

[Vídeo] Mãe leva bebê a estúdio e o força a ser tatuado com o 666
Um vídeo chocante chamou a atenção de veículos de mídia em todo mundo por mostrar uma mãe que levou o filho pequeno para um estúdio de tatuagem, obrigando-o a ser marcado com o número 666.
De acordo com informações do blog dominicano En La Esquina RD, a mãe seria adepta da seita Crescendo em Graça, liderada por José Luis de Jesús Miranda, autointitulado Jesus Cristo Homem.
Para acalmar a criança, a mãe diz em espanhol “Você é um abençoado de Deus”, enquanto o menino e segurado por ela e por outras duas pessoas, para que o tatuador consiga fazer o desenho.
Os adeptos da seita Crescendo em Graça acreditam que o 666, associado por todos à marca da besta, devido às descrições do livro de Apocalipse, é na verdade um sinal de Jesus Cristo Homem, e que tê-lo no corpo os torna incorruptíveis.
Confira o polêmico vídeo abaixo:
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

“Coloquei a vida deles nas mãos de Deus”, diz mãe que perdeu 2 filhos no incêndio na boate Kiss em Santa Maria

“Coloquei a vida deles nas mãos de Deus”, diz mãe que perdeu 2 filhos no incêndio na boate Kiss em Santa Maria
Nessa terça feira (29), foi confirmada mais uma morte decorrente do incêndio que matou vitimou centenas de jovens na boate Kiss, na cidade de Santa Maria (RS). O estudante Gustavo Marques, de 21 anos, foi a primeira vítima a morrer durante a internação hospitalar.
Marques teve morte cerebral confirmada nessa terça feira. Seu irmão Deives Gonçalves, de 33 mortos, também faleceu na tragédia. Ele foi encontrado morto por asfixia dentro das dependências da boate Kiss.
A mãe dos jovens, Elaine Marques Gonçalves, contou que sempre que os filhos saíam para festas ela os abençoava e dormia. Ela afirma também que sempre colocou a vida dos filhos nas mãos de Deus.
- Eu coloquei minha vida e dos meus filhos nas mãos de Deus. Toda vez que eles saíam (para festas) eu os abençoava e dormia. Muitos me perguntavam: ‘Como você pode dormir sabendo que seus filhos estão na rua?’. Mas eu sempre coloquei a vida deles na mão de Deus – afirmou Elaine que, segundo o iG, pediu para que a imprensa respeite seu momento de luto.
- A porta (da capela) vai ficar aberta. Tem muitos amigos aqui e eu preciso de todos. Só peço que a imprensa respeite o meu momento – disse a mãe aos jornalistas.
Os irmãos estavam na casa noturna com um terceiro amigo, Bryan Vepenfield, que faz parte do grupo de 75 pessoas que continuam internadas em estado grave em hospitais da região.
Por Dan Martins, para o Gospel+

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Novo relator do PLC 122 quer aprovar o projeto ainda em 2013

O senador Paulo Paim elogiou o discurso do presidente Barack Obama que é favorável ao casamento entre pessoas do mesmo sexo
por Leiliane Roberta Lopes

Novo relator do PLC 122 quer aprovar o projeto ainda em 2013Novo relator do PLC 122 quer aprovar o projeto ainda em 2013
O senador Paulo Paim (PT-RS) citou o discurso do presidente Barack Obama para mostrar seu desejo de aprovar o PLC 122/2006 ainda em 2013 e aproveitou para criticar lideranças religiosas que são contra o projeto.
“No Brasil, criou-se uma falsa polêmica entre liberdade de orientação sexual e liberdade religiosa. Isso não tem fundamento e não interessa a ninguém”, disse o senador gaúcho.
Paim assumiu a relatoria do projeto depois que a senadora Marta Suplicy foi nomeada como Ministra da Cultura. ”Vou trabalhar muito por esse projeto. 2013 vai ser o ano da aprovação do PLC 122″, garantiu o deputado que por dois anos presidiu a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).
O PLC 122 já gerou muitas polêmicas em Brasília, dividindo os parlamentares em pró e contra, isto porque o texto do projeto criminaliza algumas atitudes que os críticos consideram como privilégios para os homossexuais.
Outro ponto que gera muito debate se refere ao posicionamento contrário às relações homoafetivas, o que muitos acreditam que estaria ferindo a liberdade religiosa, uma vez que a Bíblia condena a homossexualidade.
Parlamentares das bancadas Católica e Evangélica somam forças para impedir que o PLC 122 seja aprovado.
Fonte; Gospel Prime


@Irma_Zuleide é presa: Criador de famoso perfil que satirizava evangélicos é detido pela polícia

@Irma_Zuleide é presa: Criador de famoso perfil que satirizava evangélicos é detido pela polícia
Na madrugada do último domingo (27), a polícia de Santos, no litoral de São Paulo, deteve o criador da personagem “’Irmã Zuleide”, famoso nas redes sociais por satirizar os evangélicos. O DJ Álvaro Oliveira Rodrigues, de 30 anos, responsável pelos perfis da personagem, foi levado pela polícia enquanto tocava em uma casa noturna, e responderá na justiça pelos crimes de constrangimento, injúria e difamação.
Com mais de 400 mil seguidores no Twitter e cerca de 2,1 milhões no Facebook, o perfil da Irmã Zuleide é uma febre na internet há quase dois anos. O dono dos perfis era investigado pela polícia porque a foto usada nos perfis é, na verdade, de uma professora de Campinas, que afirma ser constantemente constrangida por causa das publicações feitas pela “Irmã Zuleide”.
A professora, que preferiu não se identificar, conta que o constrangimento causado pelo perfil fez com que ela virasse motivo de chacota na cidade onde mora. Segundo a professora, depois que tomou conhecimento do perfil ela acionou a polícia, com o objetivo de impedir que sua imagem fosse usada de maneira indevida na internet.
A polícia foi levada até Rodrigues quando um advogado da professora descobriu que ele faria um show em uma casa noturna em Santos e, e procurou o 1º Distrito Policial da Cidade, que começou a investigar o caso e levou o DJ até a delegacia, onde ele assinou um termo circunstanciado e foi liberado em seguida, segundo informações do G1.
Depois de liberado pela polícia, o DJ, que usava a imagem do personagem para promover suas apresentações, usou os perfis nas redes sociais para ironizar a prisão com frases como:
- Jovens tem (sic) comida grátis aqui na cadeia, vou encher o buxo (sic)! Ôh, Glória!!
- O wi-fi aqui da cadeia é melhor do que o lá de casa! Ôh Bênção!!
- O irmão Teobaldo chegou na delegacia com um abre os corpos e fui libertada, só Jesus na causa.
A prisão de Rodrigues levou o termo “Irmã Zuleide” a ficar entre os tópicos mais citados do Twitter no Brasil. A maioria das mensagens publicadas na rede social questionavam o futuro de outros personagens que utilizam fotos e nomes de personalidades para fazer piadas na internet.
Em tom irônico, o DJ escreveu uma mensagem no Facebook na qual deixa a entender que a prisão e o processo que irá responder não farão com que ele pare de utilizar o personagem.
- Não vou abandonar o que eu amo, não vou abandonar os que faço feliz. Não vou abrir mão de cada sorriso, de cada mensagem. Não deixar de alegrar diariamente cada um de você (sic). Às vezes as coisas acontecem, mesmo quando não temos intenções negativas, coisas da vida, segredos de Deus. Beijos de luz aos que estão comigo, e obrigada sempre pelo carinho – escreveu.
Por Dan Martins, para o Gospel+

Tristes, pessoas recorrem a Deus para expressar luto em relação às vítimas do incêndio em Santa Maria

Tristes, pessoas recorrem a Deus para expressar luto em relação às vítimas do incêndio em Santa Maria
A tragédia em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, tem sido tema de grande parte das publicações feitas pelas pessoas nas redes sociais e em sites em geral.
Um dos termos mais usados para se referir ao incêndio na boate Kiss é a palavra Deus, segundo levantamento feito pelo site da revista Veja, entre os comentários de seus leitores.
Recorrer a Deus ou fazer referência a Ele em momentos de tragédia é uma forma de expressar a incapacidade humana de encontrar e oferecer solução e/ou consolo aos familiares das vítimas.
Uma pesquisa no Google usando as palavras-chave “Deus+boate+ Santa Maria” acusa mais de quatro milhões de resultados e no Twitter, uma nova mensagem sobre o assunto surge a cada minuto. No auge da repercussão sobre a tragédia, o volume de mensagens no microblog era muito maior. As palavras-chave “orar+Santa Maria” ainda estão entre as mais buscadas do Twitter.
twitter - Deus - tragedia
Um exemplo é usuário Wayne Lopes, que expressou seus sentimentos fazendo menção à tristeza e ao poder divino para consolar os que perderam alguém no incidente: “Deus console todos as famílias que perderam seus parentes, na tragédia em Santa Maria – RS, na Boate Kiss #triste”.
A usuária Kristina Monteiro seguiu a mesma linha: “Assistindo as notícias sobre Santa Maria/RS é impossível segurar as lágrimas diante do sofrimento d cada mãe/pai/amigo. Que tragédia meu Deus”.
No domingo, 27/01, as reações foram marcantes por parte de pastores e líderes evangélicos, que através de seus perfis, manifestaram seu pesar pediram que seus seguidores e admiradoresorassem pelas vítimas ainda vivas e com graves ferimentos, e por consolo aos familiares e amigos dos que haviam perdido a vida.
Confira abaixo, uma imagem ilustrativa com as palavras mais usadas pelos internautas para se referirem à tragédia em Santa Maria. As mais usadas, aparecem em tamanho maior:
nuvem tags Deus tragedia boate Santa Maria
Por Tiago Chagas, para o Gospel+



Hermínio Sanchez Gomez foi ao encontro do Senhor Jesus

Dom Hermínio, como era conhecido por seus irmãos em Cristo, teve uma vida dedicada à obra de Deus no México, apesar de ser sido expulso de seu vilarejo por ter aceitado Jesus. Até a sua partida serve de testemunho para os cristãos em todo o mundo


Hermínio.jpg
Logo nas primeiras horas do dia 8 de janeiro de 2013, a mídia impressa e eletrônica do México divulgou notícia sobre a morte de um "indígena evangélico idoso". O tom sensacionalista da imprensa afirmou que o falecido era, originalmente, da comunidade de Yashtinin, um bairro de San Cristobal. E que, junto aos outros habitantes do vilarejo, ele havia sido expulso do local.

O homem referenciado nas reportagens é o irmão Hermínio Sanchez Gomez. Ele faleceu no edifício Shelter, lugar que, desde junho de 2012, recebeu Gomez e outras 42 pessoas de seu vilarejo. O cristão viveu lá durante seus últimos seis meses de vida, uma vez que ele e os demais tiveram de sair de sua comunidade após aceitaram a Cristo, nos primeiros meses do ano passado.

Dom Hermínio tinha 83 anos quando foi obrigado a abandonar sua casa. De um vilarejo a outro, ele teve de ser carregado por seus parentes, devido a uma doença crônica denominada artrite reumatóide. Mas, poucos dias depois de chegar ao abrigo Shelter, seus familiares afirmam que Deus o curou, já que, aos poucos, ele voltou a andar novamente.

Pouco a pouco, sua saúde vinha melhorando. Ele, inclusive, começou a ter breves conversas com grupos de irmãos e visitantes de várias igrejas e cidades, em todo o Estado.

Enquanto a mídia utilizou-se de tom sensacionalista para contar a morte de Dom Hermínio, o diretor da Portas Abertas do México deu uma versão bastante diferente do testemunho real de partida do nosso irmão:
“Na tarde de domingo, Dom Hermínio estava descansando no quarto que dividia com sua família no abrigo. Seus parentes entraram no ambiente tentando não fazer barulho. Porém, ele acordou e perguntou: ‘Todos prontos?’ Então, seu filho perguntou: ‘Prontos para o que, pai?’ E o irmão Hermínio respondeu: "Bem, os dois médicos que estavam aqui disseram-me para ficar pronto porque partiria com eles em breve."
Na segunda-feira bem cedo, Dom Hermínio tomou seu café da manhã e sentou-se para desfrutar do sol, como sempre fazia. À tarde, ele se retirou para descansar, porque não se sentia bem. À cerca de dez horas da noite, o cristão não conseguia pronunciar nenhuma palavra, algo estava errado. Terça-feira às duas horas da manhã, a família percebeu que ele havia falecido enquanto dormia. Na verdade, Dom Hermínio tinha ido embora com os médicos que o visitaram dias antes!

O seu funeral foi realizado no próprio edifício Shelter, em um ambiente de paz, cercado por sua família, seus companheiros e irmãos refugiados que congregavam na Igreja Maranatha. O prefeito de San Cristobal providenciou o caixão e o Secretário de Governo pagou todas as despesas para certificar-se de que o seu local de descanso final seria em sua cidade natal, Yashtinin.

A Portas Abertas do México rende graças ao Senhor por ter conhecido Dom Hermínio e ter tido o privilégio de servi-lo durante seu tempo de vida. Ele demonstrou em seu dia a dia o amor que Deus dedica a seus servos queridos.

A todos os irmãos que manifestaram a Dom Hermínio e sua família o amor maravilhoso do nosso Deus e Sua provisão, muito obrigado. Para ele, a alegria eterna com o nosso Senhor está apenas começando. Aleluia e amém.

FontePortas Abertas Internacional

TraduçãoAna Luíza Vastag


terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Porque não creio na "Teologia" da Prosperidade

http://www.fedupusa.org/wp-content/uploads/2012/11/49878-bigthumbnail.jpgAltamente difundida em nossos dias, a teologia da prosperidade tomou conta dos templos evangélicos no Brasil. Algumas vezes bastante explícita, outras um tanto "disfarçada". No fundo, a essência é a mesma.

Utilizam-se vários versículos bíblicos para justificarem suas mensagens, de forma que a maioria deles é interpretada de forma isolada, deixando de lado os princípios da boa hermenêutica bíblica.

Os hereges que pregam a mensagem mais densa, relacionam a salvação à contribuição material/dízimo e afins. Esquecem-se que a salvação é dom GRATUITO de Deus e que o ser humano não é justificado por obras, mas sim pelo Sangue de Jesus.

Há também "Os Semeadores".
Utilizam a lei da semeadura para justificar suas mensagens.  
"Se você semear x, deus lhe dará 2x").
Esquecem-se que a lei da semeadura vigora 24h por dia. Não é somente no abrir da carteira, mas também em casa, com os pais, com a esposa, com os filhos, com os vizinhos etc.
Que testemunho temos dado? Quem olha para nós nos identifica como Cristãos? Ou somos só "mais um" neste mundo? Será que ainda somos sal, ou já nos tornamos insossos? Sepulcros caiados.. brancos por foram, podres por dentro. A Palavra de Deus é direta quanto a isso: "Assim, pelos seus FRUTOS os conhecerão".

Os moderados (leia-se lobos vestidos de ovelhas) pregam apenas a parte "boa" da prosperidade, evitando entrar em conflito com os setores mais conservadores da igreja. Logo, relacionam a prosperidade com bênçãos financeiras, saúde, família, etc. Podemos chamá-los de hereges hedonistas.

Os hedonistas (não sou filósofo; faço apenas uma breve consideração sobre o tema) colocavam o prazer como o bem supremo; como a finalidade de suas vidas. Basicamente, os hedonistas não sabem lidar com a "dor" e praticamente a interpretam como algo maligno, não proveniente de Deus e, principalmente, temporária. Não aceitam que a dor pode ser permanente, que uma doença poderá não ter cura e que o fim de uma pessoa poderá ser a morte.

Estes "crentes" hedonistas esquecem-se de versículos como "negue-se a si mesmo", "o menor será o maior", "no mundo tereis aflições", "tomar a sua Cruz e seguir a Cristo" etc.

Qual o problema nisso tudo?

O problema é que estão utilizando os púlpitos para propagar uma mensagem que não salva NINGUÉM.

A missão da igreja na terra não é dar casa, carro, casamento, emprego, salário bom, etc. A Missão da Igreja na Terra é "VÃO E FAÇAM DISCÍPULOS DE TODAS AS NAÇÕES, BATIZANDO-OS EM NOME DO PAI E DO FILHO E DO ESPÍRITO SANTO, ENSINANDO-OS A OBEDECER A TUDO O QUE EU LHES ORDENEI. E EU ESTAREI SEMPRE COM VOCÊS, ATÉ O FIM DOS TEMPOS" (Mt 28).

Será que percebemos? Não é somente pregar o evangelho. É fazer discípulos!!
Além do mais, ensinando-os a OBEDECER àquilo que Cristo nos ordenou.
Obediência, Cruz, Negação, Graça, Salvação... Isto é o Evangelho.
Um Evangelho que não se resume a bens materiais e as coisas vãs desta terra.
Quanto às nossas necessidades, Deus é quem cuida dos seus. (Mt 6:30-34)

Nossa missão não é buscarmos conforto, tesouros e posições sociais/eclesiásticas.
Nosso compromisso não é agradarmos aos homens e aumentarmos em números, mas em pregar a genuína e imutável Palavra de Deus para que, um dia, pela Graça (e somente esta), possamos chegar à vida eterna.
E é esta que não está sendo pregada quando os púlpitos são ocupados por servos de Mamon.

Por isso, NÃO CREIO, NÃO DIVULGO e NÃO INCENTIVO nada relacionado à "Demonologia da Prosperidade", nas palavras do célebre Maurício Zágari.

Que a Paz e a Graça de Cristo Jesus esteja com todos.
L. L.

---

Cl 3:1-11
(1) Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus.
(2) Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas.
(3) Pois vocês morreram, e agora a sua vida está escondida com Cristo em Deus.
(4) Quando Cristo, que é a sua vida, for manifestado, então vocês também serão manifestados com ele em glória.
(5) Assim, façam morrer tudo o que pertence à natureza terrena de vocês: imoralidade sexual, impureza, paixão, desejos maus e a ganância, que é idolatria.
(6) É por causa dessas coisas que vem a ira de Deus sobre os que vivem na desobediência,
(7) as quais vocês praticaram no passado, quando costumavam viver nelas.
(8) Mas agora, abandonem todas estas coisas: ira, indignação, maldade, maledicência e linguagem indecente no falar.
(9) Não mintam uns aos outros, visto que vocês já se despiram do velho homem com suas práticas
(10) e se revestiram do novo, o qual está sendo renovado em conhecimento, à imagem do seu Criador.

Precisamos de mais cristãos com os frutos de Gl 5:22 do que com as obras de Gl 5:19-21.

Gl 5:22-23
(22) Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade,
(23) mansidão e domínio próprio.

Funkeiro Mr. Catra afirma que é a “imagem e semelhança de Deus” e diz: “Se sou eterno, não morrerei”


Funkeiro Mr. Catra afirma que é a “imagem e semelhança de Deus” e diz: “Se sou eterno, não morrerei”O funkeiro Mr. Catra concedeu recentemente uma entrevista à jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, na qual falou de sua ligação com a religião e, se declarando imagem e semelhança de Deus, afirmou que não morrerá, pois é eterno.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica GospelCatra é famoso por cantar músicas com forte apelo sexual e, ao mesmo tempo, fazer muitas referências a Deus e às religiões, como na música “Retorno do Jedy”, em que canta “O Senhor é meu pastor e nada me faltará”, ao mesmo tempo em que faz alusão ao tráfico de drogas.

O cantor declara-se hebreu e leva no pulso esquerdo, além da tira de plástico da marca Power Balance (que promete dar equilíbrio), três pulseiras, suas “proteções judaicas”. Segundo ele, o judaísmo, entrou em sua vida nos anos 90, lhe “abriu bastante portas”.

Mr. Catra contou ainda já ter estudado os livros sagrados de diversas religiões e diz ter uma ligação direta com Deus, sendo “eterno com Ele”.

- Estudei o Evangelho, a Torá, o Corão. E concluí: não precisamos de ninguém para ter Deus. Sou literalmente a Sua imagem e semelhança, eterno como Ele.

- afirma o funkeiro, que completa: – Se sou eterno, não morrerei.

Por Dan Martins, para o Gospel+

http://noticias.gospelmais.com.br/funkeiro-mr-catra-afirma-que-e-a-imagem-e-semelhanca-de-deus-e-diz-se-sou-eterno-nao-morrerei.html

ATEA causa revolta ao publicar foto com corpos de vítimas do incêndio em boate para questionar existência de Deus

ATEA causa revolta ao publicar foto com corpos de vítimas do incêndio em boate para questionar existência de Deus
Com o título “Deus, cadê você, cara?”, aAssociação Brasileira de Ateus e Agnósticos (ATEA), publicou na noite de domingo para segunda uma imagem dos corpos das vítimas ainda no interior da boate Kiss, em sua página no Facebook. A foto na verdade seria de um outro incêndio, na Tailândia, mas foi atribuída à tragédia em Santa Maria devido ao momento.
A atitude causou revolta em diversos internautas, incluindo os que “curtiam” a página no Facebook, e resultou em protestos no Twitter. Diversos usuários da página a excluíram de suas atualizações, numa iniciativa de represália.
Gospel+ teve acesso a foto publicada pela ATEA mas decidiu não inclui-lá nesta publicação por ser cenas fortes e crime, preservando assim seus leitores. A imagem dos corpos publicada pela página ateísta tipifica o crime de Vilipêndio a Cadáver, conforme descrito no artigo 212 do Decreto de Lei nº 2.848 de 7 de dezembro de 1940, com pena prevista de um a três anos de reclusão, e multa.
“Sempre me mantive distante da ‘ATEA’ por não concordar com suas práticas. Desta vez, mostrar as fotos das vítimas mortas foi lamentável”, escreveu o usuário Gustavo F. Chapacais no Twitter.
Na página da ATEA no Facebook, um internauta observa que, ao publicar a imagem com cadáveres para questionar a existência de Deus, a instituição não contribuiu com a convivência entre pessoas de crenças diversas: “Agora que estão descobrindo o quanto é horrível essa página, disseminando ódio e explorando a dor alheia para quererem ‘provar’ algo… Não fazem isso de hoje”, afirmou Roger Carvalho.
“Ultimamente eu tenho visto uma quantidade elevada de ateus imbecis, em especial essa galera da ATEA, que francamente virou uma piada”, protestou Thiago M. Souza no Twitter.
Porém, um internauta identificado como Glauber Macario tentou ponderar a situação, mencionando que os administradores da página da ATEA não representam todos os ateus: “Achar que todos os ateus são como os da ATEA é o mesmo que achar que todos os cristão são iguais ao Silas Malafaia”.
twitter - protesto atea
Após a repercussão negativa, a ATEA apagou a publicação com a imagem dos corpos das vítimas, e publicou outra, em que ironiza a atitude de culpar Deus pela tragédia: “Não podemos de forma alguma colocar a culpa desta tragédia em Deus, nem cobrá-lo por não ter ajudado ou evitado o incêndio. Afinal, cobrar ações de um ser que não existe seria irracional, e irracionalidade nunca foi a área de atuação dos ateus. O que podemos fazer é mostrar respeito à dor dos familiares e amigos das vítimas”.
Entretanto, a ATEA manteve uma imagem com um print screen de uma atualização dos Trending Topics do Twitter onde o nome da associação aparece como um dos assuntos mais tratados no microblog.
O socorro às vítimas segue em Santa Maria e cidades vizinhas, além de Porto Alegre, capital do estado. A Defesa Civil pede ajuda de voluntários e a Secretaria de Saúde gaúcha solicita que doadores de sangue compareçam aos hemocentros. Saiba como ajudar clicando aqui.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Juiz condena pastor Saeed Abedini a oito anos de prisão no Irã; Veredicto ignorou a legislação vigente do país

Juiz condena pastor Saeed Abedini a oito anos de prisão no Irã; Veredicto ignorou a legislação vigente do país
O pastor iraniano Saeed Abedini, 32 anos, foi condenado pelo Tribunal Revolucionário Islâmico do Irã a oito anos de prisão por evangelizar crianças.
Abedini estava preso desde setembro sob acusação de comprometer a segurança nacional do Irã, devido a sua cidadania norte-americana e suas viagens internacionais.
A sentença foi proferida verbalmente no último domingo, 27/01, pelo juiz Pir-Abassi, conhecido como “juiz do enforcamento”, de acordo com o Centro Americano para Lei e Justiça (ACLJ).
Segundo informações do Christian Post, o Tribunal violou a legislação iraniana ao condenar o pastor Saeed verbalmente. A constituição do Irã exige que um veredicto seja emitido por escrito, ao final dos processos legais.
A condenação teria sido baseada nas atividades do pastor durante a década passada, quando o governo do presidente Khatami não considerava o cristianismo uma ameaça. Atualmente, o Irã é presidido por Mahmoud Ahmadinejad, que governa sob orientação do aiatolá Ali Khamenei.
Recentemente, Saeed Abedini havia sido proibido de comparecer à sessão de seu próprio julgamento, apesar de um funcionário do tribunal afirmar ao advogado do pastor que ele poderia ser libertado em breve.
“A promessa de sua libertação foi uma mentira. Nós não devemos confiar nas palavras vazias ou promessas feitas pelo governo iraniano. Essas falsas esperanças somam-se à tortura psicológica. Você não quer confiar neles, mas eles constroem um lampejo de esperança antes do golpe esmagador. Com o desenvolvimento de hoje eu estou devastada pelo meu marido e minha família”, afirmou Naghmeh Saeed, esposa do pastor, em depoimento à ACLJ.
Jordan Sekulow, diretor executivo do ACLJ, disse que o tribunal “não só abusou suas próprias leis, como pisou sobre os fundamentos dos direitos humanos”, lembrando que o motivo de tudo isso é sua profissão de fé: “O pastor Saeed agora enfrentará oito anos em uma prisão dura, e provavelmente enfrentará tortura e abusos nas mãos do regime iraniano, o que ameaça sua vida”.
Sekulow fez ainda um apelo para que as autoridades internacionais intervenham no caso: “Apelamos aos governos de todo o mundo para se levantar e defender o pastor Saeed. Como sua esposa disse, começando com o nosso próprio governo, todo esforço deve ser feito. Estamos pedindo ao Departamento de Estado e da Casa Branca, que apelaram a uma liberação do pastor Saeed, para se envolver ainda mais”.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+