terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Apóstolo Valdemiro Santiago estaria sofrendo retaliação por apoiar candidatura de Lindbergh Farias ao governo do Rio, afirma jornalista

Apóstolo Valdemiro Santiago estaria sofrendo retaliação por apoiar candidatura de Lindbergh Farias ao governo do Rio, afirma jornalista
O líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, apóstolo Valdemiro Santiago, é tido como aliado do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), desde a inauguração da Cidade Mundial, templo da igreja localizado na Zona Oeste do Rio. Porém, pessoas ligadas ao religioso acreditam que ele esteja sofrendo retaliação por apoiar a candidatura do petista Lindbergh Farias ao governo do estado.
A afirmação é do jornalista Lauro Jardim, colunista da Veja, que explica que nas últimas duas semanas, Valdemiro esteve com Lindbergh Farias e está prestes a apoiá-lo para o Palácio Guanabara
- Sérgio Cabral e Pezão nem pensar – estaria repetindo constantemente o líder da Mundial, segundo o jornalista.
Jardim completa sua análise afirmando que, recentemente, chegou à sede da Igreja Mundial no Rio de Janeiro um pedido de embargo feito pela prefeitura de Paes à obra de um estacionamento da igreja. Segundo o jornalista, a “turma de Valdemiro” acredita que tal embargo seja uma retaliação do prefeito ao apoio do pastor ao petista.
Por Dan Martins, para o Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário