domingo, 13 de abril de 2014

Ateu tenta matar colega dizendo que ele era Jesus e merecia morrer

Acusado alega que só aceita ser defendido por um advogado ateu
Ateu tenta matar colega dizendo que ele era Jesus e merecia morrerAteu esfaqueia colega dizendo que ele era Jesus e merecia morrer
O norte-americano Gustav Potthoff, 51, que faz questão de frisar que é ateu, atacou o colega com quem dividia uma casa alegando “motivos religiosos”.
Raymond Hernandez, agora ex-amigo de Potthoff, contou que estava assistindo televisão na sala de estar quando o colega de repente atirou um copo nele, mas acabou errando. Em seguida, tentou matá-lo com uma faca enquanto gritava que Hernandez era Jesus e merecia morrer. Felizmente não teve sucesso.
Levado pela polícia, o acusado pediu que deseja ser defendido por um advogado ateu, pois só aceita ser representado por alguém “de seu tipo”. O juiz disse que se ele tem direito a um defensor público, mas se deseja escolher outro advogado terá de pagar do próprio bolso.
“É um direito humano básico”, contestou Potthoff diante do tribunal do condado de Orlando, mas sem sucesso.  Enquanto isso ele permanece preso na penitenciária de Orange County. Com informações The Independent
por Jarbas Aragão em gospel prime
http://noticias.gospelprime.com.br/ateu-matar-colega-jesus/

Nenhum comentário:

Postar um comentário