sábado, 9 de abril de 2016

Malafaia fala sobre o papel das Forças Armadas em caso de impeachment: “Estar do lado do povo”

Malafaia fala sobre o papel das Forças Armadas em caso de impeachment: “Estar do lado do povo”
A atual crise política levou o povo às ruas para pedir a destituição da presidente Dilma Rousseff (PT) através doimpeachment, um processo legal previsto nas leis que regem o país. No entanto, uma minoria dos descontentes tem pedido intervenção militar, por desconfiar que todo o sistema político esteja corrompido.
Essa proposta não encontra apoio popular maciço, mas com o discurso adotado pelo Partido dos Trabalhadores, de que o processo de impeachment seria um golpe, muitas pessoas voltaram a se questionar se a retirada da presidente abriria caminho para a tomada do poder pelos militares.
Nesse contexto, o pastor Silas Malafaia – ferrenho opositor ao PT – publicou um vídeo comparando a atual situação política e social brasileira com a de 52 anos atrás, quando os militares tomaram o poder e, por duas décadas, governaram o país.
“[A situação agora é] muito diferente de 1964. Naquela época, as Forças Armadas vieram pra rua para defender o Brasil do comunismo e fizeram uma coisa errada. Tomaram o poder. As Forças Armadas não são para tomar o poder. Agora tem o outro lado da moeda hoje. Esses caras [petistas] pensam que vão incendiar o país, e que as Forças Armadas vão ficar de braços cruzados. Se as Forças Armadas, hoje, forem convocadas por causa de baderna, destruição e desordem, é o contrário de 64. As Forças Armadas vão vir para garantir a democracia. Não tem espaço para golpe militar, e nem eles estão pensando nisso”, afirmou o pastor.
Comentando o discurso adotado por muitos movimentos sociais, alinhados com a ideologia petista, de que farão o país parar através de greves e protestos caso Dilma perca seu mandato, Malafaia alertou que a Constituição permite que as Forças Armadas sejam convocadas para garantir a ordem social.
“Ninguém se engane – podem tirar o cavalo da chuva, petralhas esquerdopatas -, não vão incendiar o país. Vocês não vão fazer desgraça no nosso país, porque hoje, as Forças Armadas se forem para a rua, estarão ao lado do povo. Vão estar ao lado da legalidade constitucional. Vão estar ao lado da democracia e da paz, porque até as Forças Armadas aprenderam. Nós não queremos as Forças Armadas dando golpe aqui. Nem eles querem isso”, frisou.
Em crítica aos defensores do modelo petista de governar, Malafaia disse que o país vai superar a crise deixando os corruptos “envergonhados” por suas próprias escolhas: “Essa raça toda aí [de esquerdistas] tem no DNA o comunismo. Ninguém se engane, está no DNA deles. Eles adoram trafegar na baderna e na ilegalidade. Só que não tem mais vez para vocês. Se vocês pensam que vão virar o Brasil de cabeça para baixo, estão enganados. Vocês vão ser envergonhados, porque as instituições legais desse país não vão ficar de braços cruzados vendo o país pegar fogo. E as instituições vão estar amparadas pelo povo, porque a última instância de uma nação é a maioria do povo. Impeachment não é golpe, está previsto na Constituição”
                Publicado Por Tiago Chagas em Gospel mais
http://noticias.gospelmais.com.br/impeachment-malafaia-fala-papel-forcas-armadas-82128.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário