quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Quando a Tragédia vira “Atrativo” – Humanos ou Abutres?




Se tem uma coisa que nos diferencia do reino animal é a capacidade de nos colocar no lugar do outro. Respeitar a dor de quem está em luto, por exemplo, invés de aproveitar a oportunidade para transformar a tragédia em um “atrativo”, é uma das características que nos torna humanos e não abutres disfarçados.

Infelizmente, apesar de sabermos que a tragédiaé muitas vezes tratada com desprezo e desumanidade, num país onde a morte virou sinônimo de estatística e o sofrimento alheio é apenas mais uma notícia nos jornais matutinos, continuamos acreditando que o bom senso, a ética pelo respeito a dor e ao luto de quem perdeu parentes e amigos deva prevalecer, sempre!
Todavia, não é o que vimos no dia de hoje, quando alguns canais de notícia e pessoas comuns divulgaram imagens inadequadas em referência a tragédia ocorrida com o time de futebol chapecoense. Afinal, qual é o limite da informação quando ela pode afetar de forma tão marcante a vida de quem sofre a perca de entes queridos?
Talvez a solução mais coerente dessa resposta esteja na capacidade de enxergar, e amar, o próximo como a si mesmo, não apenas porque isso esteja entre os dois maiores mandamentos de Cristo, mas porque isso é, também, uma questão capaz de definir o que somos enquanto seres humanos. É na relação de troca, com o outro, onde partilhamos alegrias e tristezas, que aprendemos o significado de respeito, ética e bom senso.
Quando a morte deixa de ser um fato triste, lamentável, trágico e carregado de choro pela dor de quem perde, para ser meramente uma notícia, capa de jornal, especulação, sensacionalismo ou qualquer forma apelativa de obter audiência em torno da tragédia, abrimos mão da humanidade que nos define para nos tornar abutres!
Se tem uma marca que deve estar presente na vida de todo cristão comprometido com o evangelho de Cristo é a sua capacidade de chorar a morte do outro. Tratar com respeito, como se fosse sua, a angústia de quem sofre por ter perdido alguém que ama.
Isto significa que se não temos o que acrescentar com palavras ou gestos que partilhem dessa dor e acolham, afetivamente, o outro nesse momento, o bom senso nos manda ficar em silêncio! Não promover o que já é por demais motivo de sofrimento. Não incitar o sensacionalismo quando a hora é de lamentar e chorar.
Por fim, se esta reflexão tem algum sentido para você, aproveite o momento, pare agora por alguns minutos e peça a Deus que conforte todos os parentes e amigos das vítimas de Chapecó. Essa pode ser a grande diferença entre apenas ler um texto ou transformar isso numa atitude de empatia e consolo. De ser humano e não um abutre!
Abraço e até a próxima.

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Pastor da Assembleia de Deus morre enquanto pregava em culto festivo


Um pastor evangélico faleceu durante um culto na última quinta-feira, 24 de novembro, enquanto pregava. Ele sofreu um mal súbito e não resistiu.
Edvaldo José da Silva, popularmente conhecido como “pastor Walmir”, era o líder de um grupo de congregações da Assembleia de Deus Ministério Missão, em Arapiraca (AL). No dia em que faleceu, ele participava de um culto festivo na filial de Vila Bananeiras, zona rural da cidade.
De acordo com testemunhas, enquanto pregava, passou a sentir fortes dores no peito e chegou a ser socorrido à Unidade de Emergência Daniel Houly, mas os médicos pouco puderam fazer, de acordo com informações do Alagoas 24Horas.
O pastor tinha 56 anos e era muito querido entre os fiéis das congregações que supervisionava. Nas redes sociais, fiéis publicaram muitas mensagens de pesar e gratidão pelo trabalho de evangelização desenvolvido por ele. “Pastor Valmir, um homem de bom testemunho, combateu o bom combate, guardou a fé e agora descansa no seio do Pai, sentiremos saudades e grande homem de Deus”.
Um colega de ministério, pastor Marcos Caetano, lamentou a perda do amigo: “Deus é soberano sobre todas as coisas. Como definir uma palavra para um amigo verdadeiro? Meu amigo, meu irmão, meu conselheiro, meu confidente. Descanse em paz meu amigo, pastor Valmir”, escreveu. Caetano foi eleito em outubro para seu primeiro mandato como vereador de Arapiraca, com apoio do falecido.
O velório de Edvaldo José da Silva foi feito na Igreja da Assembleia de Deus do bairro Brasília, na cidade, e seu corpo foi sepultado às 16h00 da última sexta-feira, 25 de novembro, no Cemitério São Francisco, localizado às margens da rodovia AL-115, Distrito Industrial de Arapiraca, segundo informações do JM Notícia.

Edital de Convocação; Convenção Nacional da Assembléia de Deus Ministério de Pelotas. Novembro 2016

Atenção lembramos os lideres regionais que haverá uma reunião na sexta dia 02 só para os regionais no mesmo local
  

Dezenas de presos são batizados em presídio no Rio Grande do Norte


A cerimônia de batismo foi realizado por pastores da Assembleia de Deus
Dezenas de presos são batizados em presídio no Rio Grande do Norte
Dezenas de presos são batizados em presídio no Rio Grande do Norte
Presidiários são batizados – Dezenas de presidiários foram batizados na manhã desta sexta-feira (25) na Penitenciária Estadual de Alcaçuz (RN), ao todo Trinta e nove detentos desceram as águas, em um caixa d’água improvisada no pátio interno do presídio localizado em Nísia Floresta, na Grande Natal, que abriga atualmente 1.140 detentos.
A cerimônia de batismo foi realizado por pastores da Assembleia de Deus, que fazem visitas ao local há anos. Detentos que foram nomeados pastores dentro do presídio realizam cultos diariamente no local e conduzem o processo de evangelização, que dura em torno de seis meses.
“Estamos fazendo o que o Senhor nos mandou, levando a palavra de amor, misericórdia, perdão e principalmente ressocialização, mostrando para os internos que existe um Deus que os ama e que pode reescrever as suas histórias”, relata o pastor Hilton Andrade, que conduziu a cerimônia na penitenciária.
Para os detendos, batismo é momento de fé e renovação
Para os detendos, batismo é momento de fé e renovação
Dentre os batizados estão homens que cometeram diversos delitos, mas desejam viver uma vida diferente. “Encontraram a fé”, destaca um ex-detento que agora representa a igreja no presídio.
Um pouco antes do batismo ser concretizado, o pastor Hilton Andrade falou sobre o significado do batismo e comentou sobre o que é nascer de novo. “O Evangelho proporciona a mudança no coração e no comportamento destes homens”, afirmou.
Detentos já batizados e outros observadores lotaram o pátio em frente ao pavilhão 1 de Alcaçuz. Em meio aos louvores durante a celebração, muitos choraram. “O ato do batismo simboliza que a pessoa passa a fazer parte do corpo de Cristo. Quando alguém é batizado, ele deixa o homem velho e se torna uma pessoa renovada”, explicou o pastor.
“Agora eles têm uma nova família, que é a igreja, que os abraça, numa sociedade onde sofrem preconceito”, ressalta Hilton, que também enfatizou os bons resultados com os participantes do projeto. “A grande maioria muda de vida sim, percebemos que Deus toca o coração deles”.(*com informações de G1)

domingo, 27 de novembro de 2016

Pastor Antônio Magnus recebe nesta quinta dia 1º de Dezembro de 2016 juntamente com mais 17 pessoas o Título de Cidadão Canguçuense,veja convite

No dia 03 de junho de 2016, o Presidente do Legislativo Carlos Alberto Vargas da Silva (PP), juntamente ao primeiro Secretário Rubens Angelin de Vargas (PP) assinaram o Decreto Legislativo N° 218/2016 que: “Concede Título de Cidadão Canguçuense para Antônio Magnus Dias”, sendo que este pedido foi de autoria do Vereador Cledemir de Oliveira Gonçalves (PSDB).
A homenagem a Antônio Magnus se deu por sua destacada atuação como Pastor da Igreja Assembleia de Deus Gideões Missionários de Canguçu, visto que era natural de Sombrio/SC e veio morar em Canguçu/RS para realizar seus trabalhos missionários. 


 SEGUE ABAIXO, CONVITE DA CÂMERA DE VEREADORES E NOMES DOS QUE RECEBERÃO O TITULO DE CIDADANIA.
A Câmara Municipal de Canguçu, através de seu Presidente Vereador Carlos Alberto Vargas da Silva, juntamente com seus homenageados, convida para Sessão Solene a realizar-se no dia 01 de dezembro de 2016, às 19h no Cine Teatro 27 de junhoProfessor Antônio Joaquim Bento, ocasião que serão entregues títulos de cidadania e a Comenda do Mérito em Educação de Canguçu.

Homenageados com Título de Cidadania
Adriana Borges Guterres Ana Lúcia Pereira Ross Mota
Antônio Magnus Dias Benhur Corrêa Batista
Christian Iribarren Lemos Eduardo H. das Neves dos Santos
Giovane Landy Peixoto Humberto Schumacher da Gama
José Rodrigues Cunha Josiane B. BehlingBohlke
Marcela Schug Borges Márcio Jardel Timm Ferraz
Maria H. Fonseca Rodrigues Roberta Oliveira da Rosa
Sergio Antônio Pasa Sueli Adam Rosa Quevedo
Tácito Luiz Silveira Manetti Valéria Dutra Moreira

Homenageada com a Medalha Mérito em Educação de Canguçu: Tanise StumpfBohm

Gideões de Canguçu realizou mais um batismo em águas veja fotos e vídeo

A igreja Assembleia de Deus Gideões em Canguçu/ RS.Realizou mais um batismo em água quando na oportunidade três jovens foram batizado.

Na oportunidade foi realizado um culto ao ar livre onde o Evangelista Leonel Goulart  ministrou a palavra de Deus. Tambem ouve um momento de oração onde os irmãos ali presente todos dobraram os joelhos e clamaram a Deus pedindo almas ao Senhor.

A igreja Assembleia de Deus Gideões em Canguçu é pastoreada por Antonio Magnus Dias pastor Regional o qual também coordenou todos os trabalhos.












sábado, 26 de novembro de 2016

Dr. Marcos Jones e Carol Jones comentam sobre a morte de Fidel Castro ,veja o que disse Michel Temer Dilma Rousseff, Donald Trump, presidente eleito dos EUA E Gospel mais

O mundo se apartou de Fidél Castro, mas centenas de missionários cristãos foram brutalmente
assassinados por este ser "humano", mas mesmo assim não negaram a fé. Nossa Igreja Evangélica, inclusive irmãos aqui de Capão da Canoa, sempre contribuíram para sustentar muitas famílias da fé em Cuba. Fidél ao descobrir sobre a ajuda ou interceptar alguma família cristã, mandava prender, expulsava do país ou assassinava na famosa execução do "El Paredon". Com a chegada de Raul Castro, os crentes podem se reunir nas casas no máximo 20 pessoas. Igrejas ainda não podemos construir ou frequentar. Agora Fidél irá enfrentar o Tribunal de Cristo.


O Site de noticias gospel diz Opressor de cristãos, ditador Fidel Castro morre aos 90 anos


Michel Temer, presidente do BrasilA assessoria de Michel Temer divulgou uma declaração  do presidente da República sobre a morte do líder cubano Fidel Castro. "Fidel Castro foi um líder de convicções. Marcou a segunda metade do século XX com a defesa firme das ideias em que acreditava", afirmou Temer. leia no G1

Dilma Rousseff, ex-presidente do BrasilA ex-presidente da República Dilma Rousseff afirmou, por meio de nota na internet, que a morte de Fidel é "motivo de luto e dor". Para ela, Fidel foi "uma das mais influentes expressões políticas do século 20" e "visionário que acreditou na construção de uma sociedade fraterna e justa, sem fome nem exploração, numa América Latina unida e forte". Ela assina a nota com a saudação "Hasta siempre, Fidel!".


 Donald Trump, presidente eleito dos EUA 

Donald Trump comenta morte de Fidel (Foto: Reprodução/Twitter)

VEM AI MAIS UM BATISMO EM ÁGUA NO SITIO EBENÉZER



IGREJA ASSEMBLÉIA DE DEUS GIDEÕES MISSIONÁRIOS.

REALIZARÁ BATISMO EM ÁGUAS.

LOCAL; SITIO EBENÉZER ESTRADA DA PEDREIRA VILA NOVA.

CIDADE DE CANGUÇU/RS.

DATA; DIA 27 NOVEMBRO 2016 10 HORAS



quarta-feira, 23 de novembro de 2016

ASSISTA AQUI AO VIVO A VOTAÇÃO DAS 10 MEDIDAS CONTRA A CORRUPÇÃO

                                              HOJE 24 - 11 2016                  ONTEM 23-11 2016

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Estuprada, jovem enfrenta a família, recusa aborto e é recompensada por Deus


A história de uma menina chamada Isabella poderia não existir se sua mãe tivesse seguido a orientação de seus pais e abortado no início da gravidez. E a história só mudou porque um trabalho evangelístico alcançou a jovem gestante.


Lauran BuntingLauran Bunting era uma estudante do terceiro ano do Ensino Médio quando arrumou um namorado. A relação entre os dois inspirou confiança e ela afirmou que não queria fazer sexo antes de se sentir pronta. O recado parecia ter sido entendido pelo rapaz, mas de uma hora para outra ele mudou de comportamento.
Nós estávamos jogando basquete. Fomos até a garagem e aí ele disse que não se importava mais com minha espera. Ele queria ter relações sexuais. Eu implorei e insisti, mas ele me obrigou e me forçou a fazer sexo com ele”, contou Lauran ao siteLifeNews. Com o tempo, ela sofreu mais abusos e um dia descobriu que estava grávida.
Sua reação imediata foi de insegurança, e ela recorreu às irmãs para contar sobre a gravidez. Encorajada, ela contou aos pais, mas omitiu um importante detalhe: o estupro. “Meu pai disse: ‘Você vai abortar essa criança, se realmente estiver grávida’. Eu não me lembro de ter chorado tanto na minha vida”, relembrou.
Ela se recusou a abortar o bebê e isso custou a amizade com seu pai, que aos poucos, foi deixando de falar com ela. Com a proximidade do parto, os avós chegaram à conclusão de que ela deveria dar o bebê para adoção, e já haviam inclusive conseguido um casal interessado.
Em meio a essas indefinições, ela foi fazer um ultrassom e, quando deixou o hospital, um grupo de voluntários entregou a ela um folheto com o versículo 11 do capítulo 29 de Jeremias: “Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais”.
Na entrevista, ela contou que nesse momento se encheu de esperança para o futuro, percebendo que Deus estava falando com ela. “Foi nessa época que eu me converti e entreguei minha vida para o Senhor”, disse, acrescentando que procurou seus pais para contar que havia decidido ficar com o bebê e que, na verdade, ela havia sido vítima de um estupro.
“Eu não estava vivendo para o Senhor como eu pensava que vivia. Eu não estava me esforçando o suficiente. Então, eu segui em frente e continuei com meus estudos na escola, porque eu sabia que tinha que terminar. Mas então as coisas ficaram ruins. Ele (o estuprador) me bateu com uma porta. Ele jogou comida em mim. Ele jogou uma bola em mim. Quase fui expulsa da escola porque todos os dias estávamos na sala do diretor, na enfermaria ou no escritório do conselheiro de orientação”, relembrou.
Apesar dos conflitos, ela perseverou, terminou os estudos e deu à luz Isabella. Resultado? “Meu pai e Isabella agora são melhores amigos. Ele tem mimado ela bastante. Deus mudou seu coração. Esta é a maior bênção que recebi, e eu não mudaria isso por nada”, concluiu.

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Suportando a TRIBULAÇÃO



A TRIBULAÇÃO NÃO É ALGO QUE SEJA AUSENTE DA VIDA DO CRISTÃO (JOÃO 16.33)

I – ESCOLA  DA TRIBULAÇÃO

      A palavra  “Tribulação” é latina. Vem de “tribulum”, palavra que designa um instrumento agrícola que  era usado para desterroar, o rastelo, que servia para o lavrador romano separar a espiga da sua palha. A palavra latina, portanto, é bem elucidativa, pois nos mostra uma realidade espiritual: a tribulação embora possa ferir e esmagar, purifica e torna mais excelente.

      No AT, as palavras usadas para tribulação significam “aflição”, “estreiteza”, que tem o significado nosso de “angústia”, ou seja, uma sensação de aperto, de diminuição de alternativas, de oportunidades. A tribulação é um instante em que se sente a fragilidade do ser humano e como não temos nós o controle sobre o que acontece no mundo e como dependemos única e exclusivamente de Deus.

      No NT, as palavras usadas para tribulação significam “pressão”, “opressão”, ou seja, a tribulação traz-nos a idéia de que estamos sob pressão, que há forças que não controlamos e que estão sobre nós. Neste instante, também temos a idéia, já presente no AT, que, na tribulação, notamos a nossa fragilidade.

      A tribulação, como se vê, portanto, tem um aspecto espiritual positivo, importante, diríamos mesmo indispensáveis para a vida do cristão, pois, por ela, alcançamos o aperfeiçoamento espiritual, que é um dos objetivos que o Senhor quer que alcancemos enquanto estamos neste mundo (Ef. 4.12).

     PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL DO CRENTE – RM 5.1-5
A)    SALVAÇÃO      – justificação pela fé  – paz com Deus – Rm 5.1
                                    – gera esperança da glória de Deus – Rm 5.2
B)     TRIBULAÇÃO   –  Rm 5.3
C)     PACIÊNCIA       –  Rm 5.3,4
D)    EXPERIÊNCIA   – Rm 5.4
E)     ESPERANÇA      – Rm 5.4,5

     FINALIDADES DA TRIBULAÇÃO – At. 14,22 
A)    Levar-nos a glorificar o nome do Senhor  - Jo 17.1,4
B)     Fazer-nos voltar às coisas que, realmente, têm interesse nesta vida – Hb 10.34
C)     Fazer-nos conhecer a nossa estrutura espiritual – Sl 103,14; 139.23,24
D)    Passarmos a ter uma relação mais profunda com o Senhor – Gl 5.22
E)     Surgir uma firmeza na vida do crente – Sl 125.1
F)      Iniciar um processo de purificação do crente – o “fogo purificador” – Is 43.2
G)    Ensinar-nos a obediência – Hb 5.8b
H)    Produzir a paciência – Rm 5.3

    Paciência – qualidade do caráter cristão, o chamado “fruto do Espírito” – Gl 5.22
    Paciência – Paz + ciência
    A paciência nos dá condições de suportarmos a tribulação – I Co 10.13
    Paciência não é falta de iniciativa, passividade ou inércia – Sl 40.1,5
    Paciência gera a experiência – Rm 5.4
    Experiência quer dizer “prova judicial”, “prova utilizada para a comprovação de um fato”
    A experiência torna o crente uma referência para os outros – Lc 23.47
    Um cristão deve ter experiências genuínas com o Senhor para que possa cumprir sua missão, dar frutos permanentes e ajudar as demais pessoas
    A experiência proveniente da tribulação gera-nos esperança – Rm 5.4
    Esperança depois da prova, é viva, fruto de experiência, multiplicada em relação à surgida com a conversão.

II – NADA NOS SEPARA DO AMOR DE CRISTO

       Deus é amor – I João 4.8b
       Tribulação – oportunidade das mais excelentes para experimentarmos o amor de Deus.

Pr. Gualter Guedes

Profecia do Deputado evangélico ao presidente Michel Temer que saia da “maçonaria e do satanismo”




Por Tiago Chagas 

Cabo Daciolo (PTdoB-RJ), deputado federal pelo Rio de Janeiro, protagonizou mais um episódio singular durante um discurso no Plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília (DF), ao pedir que o presidente Michel Temer (PMDB), “abandone o satanismo”.
O parlamentar – que ficou conhecido por propor uma alteração no texto da Constituição Federal, afirmando que todo o poder das autoridades da República emanam de Deus, e não do povo – disse durante seu discurso que não estava pregando religião, mas sim, fazendo um alerta a Temer.
“Abandone a maçonaria, abandone o satanismo e vem correndo para Deus. Vem correndo para Jesus Cristo. Arrependa-se dos seus pecados e vem correndo para Jesus Cristo”, disse Daciolo, referindo-se ao presidente, que é maçom mas se afastou da sociedade quando assumiu seu primeiro mandato como vice-presidente ao ser eleito para o cargo em 2010.
De acordo com informações do jornal O Globo, o deputado – que é integrante da bancada evangélica – afirmou ainda que “Deus e religião não combinam”, e deu um recado a todas as “lideranças do mundo espiritual religioso” do país: “Lembro a todos que não estou pregando religião. A única religião que Deus considera como pura e imaculada é cuidar dos órfãos e das viúvas em suas dificuldades e não se corromper com esse mundo. Não estou falando de religião nenhuma”, garantiu.
Assista ao discurso do deputado federal cabo Daciolo
 Veja a íntegra do discurso do deputado: Senhor presidente, faltam 1 mês e 13 dias para o término do ano. São exatamente 44 dias. Eu gostaria de pedir ao povo brasileiro, homens e mulheres da nossa Nação, para orarmos pela nossa Nação.

Vamos orar para que a glória de Deus seja derramada sobre nossa Nação.

 Peço também que orem pela minha vida. Por honra e glória do Senhor Jesus Cristo, peço isso.

 Quero falar sobre Deus. Quero abrir a palavra do Senhor. Lembro a todos que não estou pregando religião. A única religião que Deus considera como pura e imaculada é cuidar dos órfãos e das viúvas em suas dificuldades e não se corromper com esse mundo. Não estou falando de religião nenhuma. Estou falando de Jesus Cristo, aquele que é o caminho, a verdade e a vida.

 Mateus, Capítulo 21, Versículo 22, diz assim: E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis. Eu tenho um pedido a Deus, que seja derramada sobre a nossa Nação a glória do nosso Senhor Jesus Cristo.

 Quero dizer ao presidente Michel Temer que assim manda dizer o Senhor para ti — presta atenção ao que está sendo dito aqui agora —: abandone a maçonaria, abandone o satanismo e vem correndo para Deus. Vem correndo para Jesus Cristo. Arrependa-se dos seus pecados e vem correndo para Jesus Cristo. Diz assim a palavra do Senhor: Pois não me agrada a morte de ninguém; palavra do Soberano Senhor. Arrependam-se e vivam!

 Quero dizer a algumas lideranças do mundo espiritual religioso do nosso País que Deus e religião não combinam. Deus e religião não combinam! Assim como Deus e maçonaria não combinam! Deus e satanismo não combinam! Arrependam-se e vivam! Toda honra e toda glória sejam dadas ao Senhor Jesus Cristo. Juntos somos fortes! Nenhum passo daremos para trás! Deus está no controle! Glória a Deus!

 Obrigado, senhor presidente.

 Crise no RJ Recentemente, Daciolo chamou atenção ao aconselhar o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), a não tomar medidas de contenção de despesas porque o “momento espiritual não está favorável“.

domingo, 20 de novembro de 2016

“O cristianismo está sendo podado. Quero devolver o poder à igreja”, declara Trump

Entrevista volta a circular após apoio maciço dos evangélicos
Em fevereiro, Donald Trump então pré-candidato à presidência dos EUA, concedeu uma entrevista ao The Brody File, uma coluna de opinião de base conservadora. Na ocasião, o bilionário afirmou que desejava ver pastores que falando com mais ousadia nos púlpitos.
Por causa das políticas inclusivas do governo Obama, pairavam ameaças sobre aqueles que se posicionavam abertamente contra a ideologia de gênero e agendas liberais. Bandeira defendida pelos democratas, temia-se que seriam ampliadas com uma possível eleição de Hillary.
Agora que as pesquisas mostraram como o voto evangélico foi decisivo para a eleição de Trump, ainda que a mídia só divulgava pesquisas dando como certa sua derrota, as declarações contundentes voltaram a ser noticiadas.
Falando sobre a lei norte-americana que impede discursos políticos em organizações que não pagam impostos, como as igrejas, Trump afirmou estar preocupado que com isso “A igreja evangélica precisa ter mais poder. Já tiraram muito desse poder”, assegurou.
Para o presidente eleito, essa regulamentação nunca deveria ter sido aprovada, pois contribui para diminuir a influência da igreja.
“Quero devolver o poder à igreja”, prometeu. “O cristianismo está sendo podado. Pouco a pouco estão acabando com ele”, declarou o republicano. “Quero ver pastores e ministros que se levantem com poder e defendam o cristianismo agora mesmo, pois não precisam ter medo de perder a isenção de impostos. Nós vamos cuidar disso”, insistiu.
Logo no início da campanha ele publicou um vídeo onde agradecia o apoio que recebera dos evangélicos e afirmou: “Não vou decepcionar vocês”.
Durante sua campanha, Trump prometeu defender os cristãos de todo o mundo. Ele já recebeu um pedido de cristãos do Oriente Médio que aja para impedir o genocídio religioso.
O novo presidente, que toma posse em janeiro, sempre se declarou cristão e conservador. Além disso, escolheu o evangélico Mike Pence como seu vice-presidente. Intransigente sobre questões como o aborto e o casamento homossexual, Pence esteve 12 anos no Congresso norte-americano e é governador do estado de Indiana desde 2013. Em entrevista recente, ele se descreveu como “cristão, conservador e republicano, por esta ordem de importância”.
FONTE GOSPEL PRIME