terça-feira, 22 de maio de 2018

Acidente matou 10 pastores e suas esposas morrem em acidente aéreo em Cuba

Dez casais de pastores perderam a vida no acidente aéreo que aconteceu em Havana, capital de Cuba, na última sexta-feira, 18 de maio. O grupo estava viajando de volta para a região leste da ilha após participarem de um retiro espiritual.
O avião, um Boeing 737, transportava 113 pessoas, entre passageiros e tripulação, sendo que 20 deles eram pastores e suas esposas. A queda aconteceu logo após a decolagem no Aeroporto Internacional José Martí, às 12h08 (horário local).
De acordo com informações das agências de notícias internacionais, a aeronave caiu em chamas. Apenas três pessoas foram encontradas com vida, mas em estado de saúde crítico.
O Conselho de Igrejas de Cuba informou à emissora Christian Broadcasting Network (CBN News) que os casais eram membros da Igreja do Nazareno e viajavam de volta às suas cidades. “Eles estavam deixando um evento no seminário evangélico El Nazareno e estavam retornando à sua província na região leste”, comentou Maite Quesada, do Conselho de Igrejas de Cuba, em entrevista.
“Toda a família da Igreja do Nazareno está unida em oração em nome de nossos irmãos e irmãs”, afirmou Carlos Sáenz, diretor da Igreja do Nazareno da Mesoamérica na região leste de Cuba.
Todos os pastores eram ligados a congregações em Holguín. A Igreja do Nazareno foi fundada em 1900 nos Estados Unidos, e se espalhou por outros países, incluindo Cuba, México, Canadá e nações da América Central, África, Ásia e América do Sul.
“Vamos pedir a Deus força e paz neste momento de tanta dificuldade, comoção e dor”, encerrou Sáenz.


Fonte gospel mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário