Pai mata filha com facada nos olhos ao saber de sua conversão a Cristo apos ter vito Senhor em um sonho ,

Cristãos que vivem em países como Uganda, onde a perseguição religiosa ocorre muitas vezes de forma extrema, são vítimas das piores atrocidades. Recentemente, por exemplo, um pai muçulmano assassinou a própria filha a facadas, após descobrir a sua conversão.

A jovem Hawa Amoti, de 28 anos, teve uma experiência inicial com Cristo ao ver o Senhor em um sonho. Isso lhe fez ter o desejo de querer buscar informações sobre Jesus, então ela foi até a casa de um amigo cristão, situada no distrito de Wakiso.

“Amoti veio à nossa casa muito cedo pela manhã e precisava saber mais sobre Issa [Jesus], a quem ela havia visto em um sonho”, disse o amigo cristão, se referindo ao dia 29 de maio desse ano.

“Depois de explicar a ela sobre a vida eterna e o perdão dos pecados que vem de Jesus que veio para tirar os pecados do mundo inteiro, ela voluntariamente aceitou Jesus para a salvação de sua alma. Então orei por ela e, juntos, fomos à igreja em Nansana”, contou o rapaz.

Amoti participou do culto e depois, maravilhada por agora entender a verdade sobre a natureza do Senhor Jesus, foi almoçar com os amigos cristãos. Ela chegou em sua casa no final da tarde, quando foi surpreendida pelos pelos parentes.

O pai Muçulmano,  identificado como Haji Shariifu Agaba, e os irmãos de Amoti, já sabiam da conversão da jovem, então começaram a espancá-la. O ancião, contudo, pegou uma faca e desferiu golpes em seu olho.

“Quero remover esses olhos para que você pare de ver igrejas para sempre – mesmo que você morra, não vamos enterrá-la”, disse o pai muçulmano, segundo relatos de um dos irmãos da jovem, que tentou defendê-la.

Com os gritos desesperados de Amoti, vizinhos correram ao local para socorrê-la, mas já era tarde. A jovem cristã foi levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Autoridades locais, agora, repudiaram o ataque e disseram que pretendem prender o pai muçulmano, segundo o Minha fonte Gospel mais Morning Star News.